Coluna Labafero

Previdência: estados e municípios estão fora até que governadores arrumem votos, avisa Arthur Lira

Foto: Divulgação Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Arthur Lira

Em entrevista divulgada no Twitter oficial da Câmara dos Deputados, o líder do PP, Arthur Lira, defendeu que estados sejam incluídos na reforma da Previdência apenas se governadores garantirem mais votos para a aprovação do texto.

“A discussão com os governadores é se eles vão contribuir com votos, que hoje são contra, ou não, para que a gente decida sobre estados em municípios”, afirmou o parlamentar, acerca de um dos assuntos discutidos nesta quarta-feira (12), em reunião na casa do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM), com o relator da Comissão Especial da reforma, Samuel Moreira (PSDB).

“Chegamos em um encaminhamento viável: o relator retira estados e municípios do projeto na comissão e se os governadores trouxerem os votos contra para que fiquem a favor do plenário, a gente retorna estados e municípios, com a ajuda dos que hoje são contra. Sem a ajuda deles, eles continuarão fora”, "desenhou" Arthur Lira.

E agora? Será que os governadores acharão justa a proposta ou se sentirão chantageados?

Veja aqui o vídeo. 

 

Senador alagoano conseguiu sensibilizar Alcolumbre sobre a situação das marisqueiras

Assessoria/Arquivo Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Rodrigo Cunha

O presidente do Senado, senador Davi Alcolumbre, decidiu pautar nesta quarta-feira o Projeto de Lei das Marisqueiras - PL 47/2017 - que prevê uma política de desenvolvimento para essa atividade. A inclusão do projeto na pauta de votação do plenário do Senado acontece a pedido do senador Rodrigo Cunha.

O senador alagoano conseguiu sensibilizar Alcolumbre sobre a situação de vulnerabilidade que as marisqueiras enfrentam. A atividade é majoritariamente desempenhada por mulheres, que extraem o sururu da lagoa Mundaú e sobrevivem exclusivamente da pesca do molusco.

Em geral auferem uma renda baixa, enfrentam extenuantes jornadas, e não contam com um arcabouço legal que as ampare.

Bolsonaro vai assistir CSA X Flamengo no estádio Mané Garrincha

Presidência da República/Arquivo Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Presidente Jair Bolsonaro

Está na agenda do presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL) comparecer ao estádio Mané Garrincha, em Brasília, na noite de quarta-feira (12), para acompanhar a partida entre CSA e Flamengo, pelo Campeonato Brasileiro.

Conforme matéria divulgada nesta terça-feira (11) pelo Globo Esporte, Bolsonaro será recepcionado pelo ex-presidente da Federação Alagoana de Futebol (FAF), Gustavo Feijó.

“Ele gosta de futebol. Vai lá assistir o meu CSA. Coitado do meu CSA contra o Flamengo”, disse Feijó ao Globo Esporte.

O jogo acontece no Mané Garrincha porque o presidente do CSA, Rafael Tenório, vendeu o mando de campo.

“Se estados e municípios não participarem teremos uma reforma capenga”, avalia Rui Palmeira

Foto: Daniel Paulino/Cada Minuto Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Prefeito Rui Palmeira

O prefeito Rui Palmeira afirmou que também segue empenhado em inserir os estados e municípios dentro da reforma previdência, que está em tramitação no Congresso Nacional. A realidade das previdências nos município tem sido muito apertada e os aposentados, em algumas cidades, sentem o peso no bolso.

Segundo Palmeira, o déficit que acontece nas previdências estaduais e municipais é brutal e vem crescendo ano após. “Se estados e municípios não participarem teremos uma reforma capenga”, completou ele.

Hoje os governadores estão reunidos com o relator da Comissão Especial da Câmara, deputado Samuel Moreira (PSDB) para discutir as reivindicações. O relator adiou  apresentação do relatório para a quinta-feira (13) para aguardar a reunião. Ele fará uma exposição para os governadores e abrirá para perguntas. A expectativa é que seja redigida uma carta conjunta ao final do encontro. 

Empresário Yale Fernandes pode ser a opção governista para 2020 em Arapiraca

Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Minuto Arapiraca 

"Conspiração": Renan pede que Moro, juíza e procuradores sejam investigados

Agência Senado Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Renan Calheiros

 

Em sua conta no Twitter, o senador Renan Calheiros (MDB) afirmou, na tarde desta segunda-feira (10), que o conteúdo das conversas privadas entre o então juiz Sérgio Moro e o Deltan Dallagnol, divulgado ontem pelo The Intercept Brasil, demonstra uma “conspiração de juízes e procuradores da Lava-Jato em nome de projeto de poder, com danos irreversíveis à democracia, economia e reputações”.

Afirmando que “não foi por falta de aviso”, Calheiros lembrou que já havia alertado sobre o tema e ingressado no Conselho Nacional do Ministério Público “porque os sinais eram claros”.

Ele cobrou que, além do atual ministro da Justiça, sejam investigados também a juíza Gabriela Hardt, os procuradores Dallagnol, Rodrigo Janot e outros, lembrando, por fim, a necessidade de aprovação da Lei de Abuso de Autoridade.

 

 

CNJ define prazo de 15 dias para presidente do TJ apresentar explicação sobre foto em ato

Reprodução Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Tutmês Airan, Paulão e "Lula livre"

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) determinou que o presidente do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL) apresente em 15 dias informações sobre sua participação em um ato público.

A foto do desembargador Tutmés Airan, posando ao lado de uma enorme faixa com a imagem do ex-presidente Lula (PT) e a frase “Lula livre”, repercutiu nas redes sociais.

A fotografia, onde o desembargador aparece com o deputado federal Paulão (PT) e com outras pessoas, foi tirada na Praça Deodoro, em frente ao prédio do Poder Judiciário de Alagoas.

Conforme noticiou o Diário do Poder, o pedido de esclarecimento foi assinado pelo corregedor nacional de Justiça substituto, ministro Aloysio Corrêa da Veiga.  

 

Projeto quer destinar local exclusivo para pessoas com prioridades em praças de alimentação

Foto: Assessoria Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Câmara Municipal de Maceió

Está em tramitação na Câmara de Maceió um Projeto de Lei que quer destinar um local exclusivo para pessoas com prioridades, em locais privados, como praças de alimentação.

O público beneficiado será a deficientes idosos e gestantes, que passarão a contar com um local reservado em Centros Comerciais, Shopping Centers, Hiper e Supermercados.

A proposta foi aprovada pela Comissão de Constituição e Justiça e seguirá para votação dos demais vereadores.

Pesquisa cita três políticos alagoanos na lista dos mais influentes em Brasília

Foto: Agência Câmara Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Congresso Nacional

Três políticos alagoanos foram considerados como figuras inflentes na política nacional em Brasília. A pesquisa, divulgada pelo Instituto FSB Comunicação, apontou Renan Calheiros, Paulão e Isnaldo Bulhões na lista composta por 130 políticos. 

Mesmo com a lembrança, os líderes da lista foram os parlamentares da legenda do Jair Bolsonaro, como a líder do governo Joice Hasselman e o filho do presidente, Eduardo Bolsonaro. 

Os dados foram coletados entre os meses de abril e maio deste ano. Entre os partidos, o PSL teve seis nomes, enquanto do PT, PCdoB e Psol tiveram 20 posições. 

Canal do Sertão : Senador alagoano se encontra com ministro

Foto: Assessoria Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Rodrigo Cunha

O senador Rodrigo Cunha teve encontro ontem com o ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, para tratar do Canal do Sertão, e outros temas de grande relevância para o estado de Alagoas. Rodrigo já tinha realizado reunião com Canuto há alguns meses, para falar da situação da bairro do Pinheiro. Dessa vez, o senador teve a chance de expor com maior profundidade as questões de Alagoas. O ministro se mostrou muito sensível às dificuldades do estado, e disse que o governo quer se dedicar mais ao Nordeste.

Comercial (82) 3313.6040 (82) 99812.2189 comercial@cadaminuto.com.br
Redação (82) 3313.2162 (82) 99664.2221 cadaminutoalagoas@hotmail.com