Carina Oiticica
Carina Oiticica

Emily in Paris: Dicas da série para o marketing na sua empresa

Carina Oiticica|

Se você é comunicador ou não, certamente deve ter se divertido com as experiências e gafes da personagem Emily da série Emily in Paris da Netflix. Na trama, que já possui duas temporadas e a promessa de mais duas, a protagonista trabalha como executiva de marketing e, embora todo enredo de sua vida amorosa seja muito atrativo, essa série pode ensinar bastante sobre como funciona o mundo dos negócios dentro desse mercado. 

Em um breve resumo, tudo começa quando Emily finalmente consegue seu emprego dos sonhos e precisa se mudar para Paris, onde tudo isso poderá se tornar realidade. 

Mas as mudanças não param por aí! Novo idioma, amigos novos, novos casos amorosos e seu principal desafio: conseguir conciliar todas reviravoltas da sua vida pessoal com os inúmeros desafios da nova oportunidade profissional e manter ambos muito bem alinhados, já que a todo momento eles podem estar se cruzando. 

“Ok, Carina, mas cadê o marketing que você me prometeu?” Calma! A partir de agora te prometo que nós só iremos falar dele. Abaixo você vai conferir 4 dicas de como alguns insights dessa série podem te ajudar a fazer o marketing da sua empresa. Continue lendo! 

1. Entender o potencial das mídias digitais 

Desde o começo da série, nós já podemos perceber que a Emily vive bem conectada e adora estar antenada com as redes sociais e a moda, de uma forma bem peculiar, inclusive. 

Mesmo nos tempos atuais, quando muito se fala sobre as mídias digitais, ainda tem gente que apresenta uma certa resistência para inserir o assunto nas estratégias da sua empresa. 

Na série, Emily precisa encarar isso com muita coragem várias vezes, principalmente estando em meio aos “grandes especialistas” e acaba mostrando que o uso desse potencial pode ser extremamente positivo para as estratégias dos produtos da série. 

2. Vender bem suas ideias 

Com o tópico acima, já ficou bem fácil de entender o que viria a seguir. Quantas vezes você já teve uma ideia que era maravilhosa na sua cabeça e não conseguiu impulsionar no desenvolvimento porque não conseguia apresentar e defendê-la bem? 

Dentro do desenrolar da série e da carreira de Emily, embora tudo pudesse contrariar as estratégias da personagem, ela continuou acreditando nas ideias que tinha e procurou se aperfeiçoar no modo de vendê-las para seus colegas de trabalho e clientes. Que tal se inspirar um pouco nesse exemplo de ousadia e coragem? 

3. Investir em networking 

Quem já assistiu às primeiras duas temporadas de Emily in Paris certamente se divertiu com as voltas que o mundo da personagem dá e como investir em um bom networking pode nos ajudar a sair de uma série de situações bem desconfortáveis. 

Já passou da hora da gente entender que o mundo dos negócios, por mais egoísta que possa parecer, é feito de relacionamentos e a forma como nos relacionamos mesmo com os contatos mais difíceis podem interferir bastante nos resultados da nossa empresa. 

4. Fique atento às mudanças

O que não falta na vida da Emily é reviravolta, não é? E o melhor para quem assiste e pior para a personagem é que ela é sempre é pega de surpresa com as mudanças, tanto no campo profissional quanto nos seus casos amorosos. 

Estar atento é fundamental não só para saber lidar com o máximo de segurança possível nas situações da vida pessoal como também saber gerenciar crises no universo profissional. Portanto, nada de dormir no ponto hein? Principalmente em um meio que muda sempre e tão rápido como o marketing. 

Quer se manter sempre atualizado nas tendências? Então comece hoje mesmo a acompanhar de perto suas referências, certamente elas saberão te indicar bem o caminho mais satisfatório para o sucesso assim como eu faço no meu perfil lá no Instagram

Agora você já sabe o que fazer, né? Me segue lá e vamos acompanhar juntinhos as novidades da área! Ah! Não deixe de comentar aqui também o que você achou da série e o que aprendeu com a Emily para aplicar na sua vida e nos negócios.

SOBRE O AUTOR

Publicitária formada em Publicidade e Propaganda pela ESPM-SP e com pós-graduação em Comunicação Integrada e Comportamento do Consumidor pela ESPM-SP. Atuou como planejamento em agências de publicidade em SP e, em 2010, fundou a Yellow Kite em Maceió, agência digital focada em inbound marketing e 3 vezes finalista do Prêmio Melhores Agências de Resultados da RD Station.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados