Blog do Dr Edvenis Vital
Blog do Dr Edvenis Vital

O porquê da papada: entenda como se forma

Blog do Dr Edvenis Vital|

Ponto de incômodo para muitas pessoas, a papada pode ter sua origem em uma série de fatores. Saber como evitar ou eliminá-la é um verdadeiro sonho para quem deseja aprimorar cada vez mais o contorno do rosto. Causas como a genética, a idade, a má postura e o peso estão entre os motivos mais conhecidos. 

Comum entre homens e mulheres, ela pode surgir em diferentes fases da vida e até mais de uma vez, desde o crescimento natural (desenvolvimento corporal) de cada pessoa ou durante a idade adulta por volta dos 35 ou 40 anos, dependendo da causa. 

Neste post, ajudaremos a entender um pouco mais sobre a papada, explicando como e por que ela é gerada. Confira abaixo! 

Variações de peso 

Quando se fala em razões para o surgimento da papada o chamado "efeito sanfona”, assim como o sobrepeso e a obesidade, certamente estarão entre os fatores mais comentados e mais comuns. 

Nesse caso, tanto o emagrecimento quanto o considerável aumento de peso do corpo, sendo constante (no caso do efeito sanfona) ou não, podem contribuir para o surgimento da flacidez na pele e volume de gordura na região entre o contorno do rosto e o pescoço. 

Essas variações recorrentes atingem diretamente a elasticidade da pele, formando volume entre o rosto e o pescoço. Nesse caso, é importante estar atento à alimentação e ao sedentarismo, que acabam ocasionando esse problema.

Envelhecimento da pele

Nesse caso, é a perda da elasticidade da pele que gera a flacidez na região do contorno do rosto e, com isso, a papada se forma. 

Do mesmo modo, com o envelhecimento também é natural notar o “declínio” da pele em outras regiões expostas do corpo, como as bochechas, os braços e a barriga.

Outros fatores menos comuns 

Acima vimos as duas causas mais comuns entre pacientes que procuram um tratamento para se livrar da papada. No entanto, existem alguns outros motivos que podem resultar em sua formação. Abaixo, apresentamos alguns!

Genética e traços familiares

Alguns elementos genéticos podem estar ligados à formação da papada. Nesse caso, se no seu histórico familiar existe uma predisposição ao ganho de peso, isso é considerado um fator de risco. 

Além disso, os traços do contorno do rosto também podem interferir nesse processo. Pessoas com queixo pequeno e retraído acabam passando a impressão de possuir uma papada e isso pode ser notado com a má postura. 

Maus hábitos 

Por fim, além da má postura e da falta de cuidados com a alimentação, o consumo excessivo de bebidas alcoólicas e o tabagismo também estão entre os responsáveis pelo surgimento da papada.

Desse modo, podem ser a origem dos problemas já citados acima, como a perda de elasticidade ou o acúmulo de gordura no corpo. 

Você já conhece os procedimentos especiais da Eva Clínica para tratar a papada? Por aqui, temos um super protocolo para ajudar a se livrar desse problema. Ademais, você sabe qual é a idade certa para começar a realizar procedimentos estéticos faciais? Confira esse e outros temas no blog da Eva. 

SOBRE O AUTOR

Edvenis Vital Albino possui o título de Especialista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e atua como membro ativo das sociedades brasileiras de Cirurgia Dermatológica (SBCD) e de Medicina Estética (SBME). Com oito anos de dedicação aos estudos da pele, ele conta em seu currículo com especializações em Dermatologia Cirúrgica e em Medicina Estética. Referência em procedimentos injetáveis e em operações que envolvem laser médico, ele também possui passagem pelo Ospedale Delmati di Sant’Angelo Lodigiano Milão - IT, onde fez um Fellowship em Clínica Médica.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados