“Jamais imaginei que fosse doente”, ironiza vereador sobre homossexualidade

Foto: Thiago Davino/Cada Minuto/Arquivo 3dd07c5f de7e 4a9e bc33 2e99dc1129db Silvanio Barbosa

“Quando o senhor disse que homossexualismo era doença, eu jamais imaginei que fosse doente por isso”, afirmou o vereador Silvânio Barbosa (PMDB), se referindo a polêmica declaração do vereador Ronaldo Luz (PMDB) de que homossexualidade é doença.

A fala de Barbosa ocorreu nesta tarde, na Câmara Municipal de Maceió (CMM), em aparte ao pronunciamento de Luz, que se desculpou publicamente.

“...Porque eu sou doente de hérnia, de diabetes. O senhor mexeu com uma categoria que se sente ofendida porque é crucificada pelo preconceito. O senhor, no fundo do coração, não é preconceituoso. O senhor teve grandeza de pedir desculpas. Mas o senhor ainda será crucificado por este erro”, prosseguiu.

“Eu não apoio o senhor na iniciativa de tratar o homossexualismo como doença. Pois isso é uma escolha própria como ser humano. Que sirva de exemplo para que a gente possa refletir todo e qualquer ato. Porque isso é uma arma que pode ofender muitos lá fora”, conclui Silvânio Barbosa, cuja fala acabou ofuscando o pedido de desculpas do colega.

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Para Arcebispo de Maceió declarações de vereador incitam o ódio

Arquivo 1339101888dom O arcebispo metropolitano de Maceió, Dom Antônio Muniz

Em declaração ao jornal Gazeta de Alagoas, o Arcebispo de Maceió, Dom Antonio Muniz, não escondeu sua irritação com as declarações do vereador de Maceió, e médico Ronaldo Luz, que além de classificar o homosexualismo como uma doença, afirmou que “as famílias ricas de Alagoas, quando descobram que um filho era gay, faziam eles se tornarem padres”.

“Ele precisa dizer o nome e quando isso aconteceu, porque senão se torna um irresponsável. Esse não é o tipo de discurso para se estar no parlamento, principalmente esse tipo de acusação” disse o Arcebispo, que complementou dizendo que “as declarações do vereador incitam o ódio entre as pessoas e são passíveis até mesmo de processo na Justiça”

Amanhã deve ocorrer um grande protesto na porta da Câmara Municipal de Maceió, contra as declarações do vereador.

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Rui Palmeira e Ronaldo Lessa não brigaram no “rompimento”

8db49b01 c4a9 4f1e be6d 8bde06e3339f

Foi tranquila a última conversa de Ronaldo Lessa e Rui Palmeira antes do rompimento do PDT com a prefeitura de Maceió e a migração do partido para a base do Governo, comandado pelo PMDB de Renan Filho.

Lessa cogitou ficar nos dois locais, Rui disse que não era possível, mas os dois conversaram tranquilamente e mantiveram um “canal de diálogo” para o futuro. Não existira ataques de um contra o outro. Pelo menos, isto é o que se espera.

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Renan defende Lula e diz que tentativa de retirá-lo da eleição abre espaço para Bolsonaro

Foto: Reprodução / Facebook 006b9fd4 56ec 42c5 805f e2f771633f53 Renan Calheiros

Em visita a cidade de Viçosa, a 86 km de Maceió, o senador Renan Calheiros divulgou um vídeo, em suas redes sociais, onde saiu em defesa do ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva. Renan afirmou, sem citar nomes, que a insistência de  retirar o petista das eleições presidenciais de 2018, serve para abrir espaço para o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ).

Calheiros disse que “o Brasil vive tempos sombrios” caracterizados pela discussão sobre os recibos de aluguel do apartamento vizinho ao de Lula, em São Bernardo do Campo, cuja autenticidade foi questionada pelo Ministério Público Federal (MPF).

"O que lamentavelmente, tristemente caracteriza o País nesse momento é essa discussão infame, esse debate nojento, esse noticiário repetitivo se é legal ou não é legal o recibo de aluguel do apartamento vizinho ao apartamento em que mora o ex-presidente", declarou.

No vídeo, o senador  também citou as buscas, que chamou de “invasão”, realizadas na casa do filho adotivo do ex-presidente Lula, Marcos Cláudio, para verificar denúncias de suposto uso de drogas no local.

Renan finaliza o vídeo dizendo que essa situação “querendo ou não querendo, não importa” prepara o caminho para a candidatura de Bolsonaro e que o “Brasil não merece isso”.

 

 

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

STF rejeita denúncia contra Renan

Reprodução/Vídeo 583eb5fe 8546 4101 9702 605a2f2cdd6f Renan Calheiros

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) rejeitou, por unanimidade denúncia do ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot contra o senador Renan Calheiros (PMDB-AL). Outro denunciado que também teve a denúncia rejeitada foi o deputado federal Aníbal Gomes (PMDB-CE). As acusações sobre ambos eram referentes À Operação Lava Jato.

O voto do relator ministro Edson Fachin que entendeu não haver provas para abrir uma ação foi seguido pelos ministros Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski e Dias Toffoli.

Os parlamentares eram acusados de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Ministro Edson Fachin manda arquivar inquérito contra Renan Calheiros

Agência Senado 5bbbed82 b94b 417a a999 7b9b812d03e8 Renan Calheiros

O ministro Edson Fachin determinou o arquivamento de inquérito que investigava o senador Renan Calheiros (PMDB), o líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), o ex-presidente José Sarney (PMDB-AP) e o ex-diretor da Transpetro Sérgio Machado. Eles, supostamente, atuaram para obstruir a operação Lava Jato.

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, havia pedido o arquivamento com base na recomendação da Polícia Federal que havia solicitado o arquivamento do inquérito.

Em seu despacho, Fachin ressaltou que “o arquivamento deferido com fundamento na ausência de provas suficientes de prática delitiva não impede a retomada das investigações caso futuramente surjam novas evidências”.

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Dória receberá título de cidadão de Maceió ainda este mês

Divulgação 13989493714746 João Dória Jr, presidente do LIDE

O prefeito de São Paulo e pré-candidato a presid~encia pelo PSDB, João Dória, receberá no próximo dia 27, o título de cidaddão honorário de Maceió na sede da Câmara Municipal de Maceió.

A homenagem foi proposta pelo vereador José Marcio, do mesmo partido do prefeito paulistano. Dória recebeu a mesma homenagem em Salvador e em outras cidades brasileiras. O “muído” deve ser grande.

 

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Juiza manda prefeito Joãozinho pereira fechar Lixão em 30 dias

Fc434407 2f99 4145 93c4 fc0460bc11e7 Joãozinho Pereira condenado devolver dinheiro por improbidade administrativa

Uma ação capitaneada pelo promotor de Justiça Ramon Formiga conseguiu ensejar uma importante decisão para o meio ambiente alagoano. A juiza Lívia Maria Mato de Melo Lima, determinuou que o prefeito de Teotônio Vilela, Joãozinho Pereira, encerre as atividades do Lixão da cidade.

Na decisão, a juiza entendeu que o prefeito não vinha cumprindo o decreto federal 12.305/10, e determinou que se em 30 dias o Lixão não for encerrado, o municipio arcará com multa diária de R$ 20 mil e o prefeito com R$ 5 mil. Uma decisão importante para quem conhece as condições na quais o Lixão era mantido.

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Assessoria da Adefal diz que informação sobre "contas bloqueadas" não procede

Assessoria/Arquivo 5a137b93 df6f 4adf bdcb ce34f7a9782b Sede da Adefal

Em resposta a Coluna Labafero, a assessoria de imprensa da Associação de Deficientes Físicos de Alagoas (Adefal), esclareceu ao Cada Minuto, na noite desta sexta-feira, 6, que não procede a informação de que as contas bancárias da entidade foram bloqueadas. 

De acordo com a assessora de imprensa Jade Magalhães, as senhas bancárias tinham vencimento programado para o dia 30 de setembro e, por determinação do juiz Ayrton de Luna Tenório, a atual gestão permaneceria do cargo até esta data, ou até que novas eleições fossem realizadas.

Como o juiz suspendeu o ultimo pleito eleitoral e não estipulou nenhuma data para que o mesmo aconteça, as senhas bancárias da Adefal estão inválidas, pois expiraram. E para o banco a determinação de que a atual gestão permanece até novas eleições não tem validade.

A assessora informou que como o banco trabalha com datas e não cabe mais a Adefal estipular uma data para a nova eleição, a entidade está aguardando um posicionamento da Justiça quanto à data para uma nova eleição ou prorrogação da permanência da diretoria. Desta forma, a Adefal informará a data ao banco, através de um documento legal, para que o banco atualize o sistema e libere novas senhas.

“Solicitamos, inclusive protocolado no Tribunal de Justiça, que o desembargador possa fornecer uma data, pois para o banco é necessário que uma data determinada. E só quem pode estipular uma data é a Justiça. O que está bloqueado são as senhas e não as contas”, explicou Jade Magalhães.

Ainda segundo a assessora, antes do prazo expirar a entidade entrou com uma solicitação junto à instituição financeira pedindo orientação de como proceder. O banco informou na tarde desta quinta-feira, 5, que uma data limite deveria ser solicitada ao TJ para que as senhas fossem revalidadas.

 

 

 

 

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Prefeito Rui Palmeira se submete a cirurgia neste sabado

Foto: Secom Maceió C9b830bf 799a 49d9 9567 960cc6864539 Prefeito Rui Palmeira

Neste sabado o prefeito Rui Palmeira "entra na faca", como se diz popularmente. Palmeira fará uma microcirurgia de vesícula, deve ficar "de molho" ate terça, mas deve voltar as ruas ja na quarta-feira.

O procedimento é simples, com pequena incisao no abdome, sem maiores cortes, ou complicações. Palmeira vinha há meses adiando a visita ao centro cirurgico, mas levou um ultimato e uma bronca pesada do seu medico, e da primeira dama Tatiana Palmeira.

"A alta deve ocorrer ja no domingo. O prefeito fica em casa na segunda, despacha com assessores, e talvez ja volte a Prefeitura na terça mesmo" garante um assessor muito proximo a  Palmeira.

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.
Comercial (82) 3313.6040 (82) 99812.2189 comercial@cadaminuto.com.br
Redação (82) 3313.2162 (82) 99664.2221 cadaminutoalagoas@hotmail.com