Barrados na PF, políticos assinam cartinha de apoio a Lula

Fotos: Divulgação 33fa0315 4fa5 4ce4 afa5 cf33c0f28817 Político posam com cartinha para Lula

Após serem impedidos, por decisão judicial, de visitarem o ex-presidente Lula (PT) no xadrez, nove governadores, entre eles Renan Filho, e três senadores assinaram uma carta destinada ao petista, afirmando: “Estivemos aqui e sempre estaremos. Ao seu lado, firmes na luta”.

 

O texto destaca ainda que a “lei de execução penal não foi cumprida adequadamente e não podemos abraçá-lo pessoalmente” e que, por intermédio do grupo barrado na superintendência da Polícia Federal, em Curitiba, milhões de brasileiros estavam solidários ao ex-presidente.

 

O governador de Alagoas também posou para foto com a comitiva.

 

 

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Juíza “barra” visita de governadores do Nordeste e outros políticos a Lula

Foto: Bruno Levy/CadaMinuto/Arquivo 40680633 045e 4d09 a0eb 0a94207a0360 Governador Renan Filho

O governador Renan Filho junto com todos os governadores dos outros estados nordestinos e ainda outros parlamentares tiveram o pedido de visitas ao ex-presidente  Lula, preso na sede da Polícia Federal em Curitiba negado.

Segundo a juíza Carolina Moura Lebbos, da 12ª Vara Federal de Curitiba, o pedido foi indeferido uma vez que " não há fundamento para a flexibilização do regime geral de visitas próprio à carceragem da Polícia Federal”, alegou a magistrada.

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Renan Filho deverá acompanhar governadores do Nordeste em visita a Lula

Foto: Bruno Levy/CadaMinuto 89bd8083 978f 4802 a6e1 e73f203158c2 Governador Renan Filho

O ex-presidente Lula deverá receber nesta terça-feira (10), na sede da Polícia Federal em Curitiba,  a visita de uma comitiva formada por Governadores do Nordeste. O grupo irá se reunir para prestar o apoio e discutir alguns compromissos de pré-campanha.

O governador Renan Filho (MDB) confirmou sua presença, junto com os governadores Rui Costa (PT), da Bahia, Jackson Barreto (MDB), de Sergipe, Flávio Dino (PCdoB), do Maranhão, Ricardo Coutinho (PSB), da Paraíba, Robinson Faria (PSD), do Rio Grande do Norte, e Wellington Dias (PT), do Piauí.

A única confirmação ainda aguardada é do governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB).

 

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Lula e o Prêmio Nobel da Paz

Foto: Reprodução/Arquivo 73ae8be8 bb93 4fd0 9b11 b5bbdc9d2802 Lula no Sindicato dos Metalúrgicos

Em nota divulgada no sábado (7), o presidente do PT Alagoas, Ricardo Barbosa, disse que o gesto de Lula em se entregar à Polícia Federal era altruísta e digno de um Prêmio Nobel da Paz.

 

No texto escrito antes da prisão do ex-presidente, Barbosa destacou que era justíssimo que Lula decidisse por se entregar logo após a missa em homenagem a ex-primeira-dama, Marisa Letícia.

 

“Tenho absoluta certeza de que Lula, caso se entregue, estará fazendo isso por todas e todos nós, em respeito a nossa luta e solidariedade, mas também em nome da paz e de possíveis vidas que poderão ser perdidas em uma luta heróica de resistência que tenho absoluta certeza estamos dispostos a travar em sua defesa. Seria um gesto altruísta. Digno de um Nobel da Paz!”.

 

A propósito, já circula na internet um abaixo-assinado com a candidatura do petista ao prêmio recebido pelas pessoas que mais contribuíram com a manutenção da paz no mundo. Adolfo Pérez Esquivel, ativista argentino e Nobel da Paz de 1980, é o criador da campanha. 

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Em Curitiba, Paulão quer garantir direito de manifestantes

Foto: Assessoria/CDHM/Arquivo 080ed694 0720 47fd a5bd 98d33c5d207e Deputado Paulão

Deputado Paulão segue, em caráter de urgência, para Curitiba para ofertar o apoio da dos Deputados aos manifestantes que ficaram machucadas Comissão de Direitos Humanos e Minorias (CDHM) da Câmara durante a chegada do ex-presidente Lula.

O alagoano tem tido uma participação ativa nas manifestantes contra a prisão do ex-presidente tanto em no Estado, quanto em outras cidades.

Segundo Paulão, seu papel em Curitiba é assegurar o direto à manifestação.

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Renan Calheiros diz que condenação e prisão de Lula são ilegais

Crédito: Agência Brasil 6683277c 2127 4d73 bd13 051876192cc7 Renan Calheiros

O senador Renan Calheiros, que presidiu o Senado por quatro vezes parece estar “sentido” com a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que negou por 6 votos a 5 o pedido de habeas corpus ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, na madrugada da quinta-feira, 5,

Segundo Calheiros, a divisão do Supremo “é a antecipação da pena de condenação sem prova por um típico juiz de exceção, o que torna a prisão do Lula ilegal, acima da Constituição e da política”.

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Alfredo Gaspar decide não disputar vaga na Senado

Foto: Bruno Levy/CadaMinuto/Arquivo 18d3c176 41cb 481e a710 e4ed65acab2c Alfredo Gaspar

Conforme anunciado mais cedo aqui na Labafero, o procurador-geral de Justiça, Alfredo Gaspar de Mendonça, confirmou, em entrevista ao Diário do Poder, que não irá se candidatar ao Senado Federal. 

Nos bastidores, a dificuldade de formação de um grupo de oposição é apontada como uma das razões para a  desistência.

Alfredo Gaspar chegou a negociar uma possível filiação com o PSL e com o PSB, do deputado federal João Henrique Caldas, o JHC (PSB). Nacionalmente, o procurador-geral tem o apoio do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL).

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Vídeo mostra suposto pagamento de propina a vereadores

F2d4a1fc 9dfa 468c a491 eab9360d021c

Vídeos onde o ex-prefeito afastado de Mata Grande, Erivaldo Mandu, é flagrado pagando vereadores com dinheiro de suposto desvio dos cofres públicos, vazaram e estão circulando em redes sociais. 

No vídeo é possível ver Erivaldo Mandú e seu secretário pagando propina aos vereadores Teomar Brandao também afastado e ao vereador Joseval Costa que também foi afastado. As imagens mostram claramente que foi passado um valor para os vereadores em troca de apoio para aprovar projetos na Câmara.

 

 

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Alfredo Gaspar pode desistir de candidatura ao Senado

CadaMinuto/Arquivo Ef37df75 277c 42ff a705 6153e7b619bd Alfredo Gaspar de Mendonça

O procurador-geral de Justiça, Alfredo Gaspar de Mendonça, está a um passo de desistir de sua candidatura ao Senado Federal. O problema é conseguir viabilizar uma chapa. Alfredo Gaspar esteve reunido com Rui Palmeira para tentar avaliar a possibilidade de disputa pelo PSDB. 

Como a situação de formação de um grupo de oposição é difícil, Alfredo Gaspar pensa seriamente em desistir da possibilidade de candidatura. Os mais próximos tentam incentivá-lo a concorrer ao pleito, já que seria uma opção viável de oposição ao senador Renan Calheiros (MDB). 

Alfredo Gaspar chegou a negociar uma possível filiação com o PSL e com o PSB, do deputado federal João Henrique Caldas, o JHC (PSB). Nacionalmente, o procurador-geral tem o apoio do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL).

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Marx Beltrão deixa o MDB para concorrer ao Senado pelo PSD

Foto: Assessoria/Arquivo Bdc90cb3 16d7 436f ab21 30f7e722b0a0 Marx Beltrão

Marx Beltrão – que ocupou o Ministério do Turismo no governo de Michel Temer (MDB) – saiu do MDB do senador Renan Calheiros.

Como não há vaga entre os palacianos, já que a dobradinha será entre Calheiros e o ex-ministro dos Transportes, Maurício Quintella Lessa (PR), Beltrão foi para o PSD, partido que já era controlado por ele.

Com isso, Beltrão reafirma a candidatura ao Senado Federal. Resta saber como se dará o diálogo para a montagem de uma chapa.

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.
Comercial (82) 3313.6040 (82) 99812.2189 comercial@cadaminuto.com.br
Redação (82) 3313.2162 (82) 99664.2221 cadaminutoalagoas@hotmail.com