Raízes da África
Raízes da África

No Brasil não há racismo?

Arisia Barros|

O racismo é assim cotidiano e persistente. E, o elevador é o termometro atual  que escancara o sobe e desce das práticas racistas, que mais sobem do que descem. Já passei por isso, muitos de nós já passou. E agora a gente faz o quê?

No Brasil não há racismo. Ele existe só na minha cabeça. Então o que é isso? Tenho uma amiga que reside em Salvador. Ela me chamou no face hoje e me narrou o seguinte (palavras dela): "estava no Salvador Shopping(o maior shop da Bahia), entrei no elevador (vazio) no G2. Em seguida entrou um homem e sem fazer nenhuma leitura disse: 1º andar. Fiquei pensando o que ele quis dizer com aquilo e ignorei... pois nem "por favor" utilizou. Logo depois entrou outro homem, este foi mais adiante: 3º andar, rápido que estou atrasado. Levantei a cabeça e olhei na cara dos dois, sem acreditar que aquela situação estava acontecendo. E então como não apertei o botão dos andares solicitados, o elevador parou no segundo andar. O homem que desceria no L1 gritou: Porra! Porque não parou no L1?, e então saí do elevador, na maior calma e paciência, deixando-os sem olhar para trás". Os dois homens, segundo ela: brancos, aparentavam ser de classe alta. Ela, negra.
Alguém pode me explicar como isso acontece em uma cidade cuja expressiva maioria é negra? Se isso não é racismo institucionalizado, enlouqueci.
Escrevo porque se eu me calar, serei conivente com essa situação

Fonte:Maristela Guimaraes pelo facebook

SOBRE O AUTOR

Raizes da Africa

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados