Com muda doada pela secretaria de educação, Jó Pereira, Tributo a sufragista negra, advogada, Almerinda Farias Gama tem plantio do Baobá, a árvore sagrada, em Áfricas,

15/05/2024 07:36 - Raízes da África
Por redação
Image

 

Almerinda Farias Gama,  filha de um negociante José Antônio Gama e da professora Eulália da Rocha Gama é um dos grandes ícones negros,  da historiografia da capital Maceió.

A primeira mulher negra maceioense a desbravar o mundo da política.

A primeira mulher negra, maceioense que, ao lado de Bertha Lutz, foi decisiva para garantir a essencialidade do voto feminino.

Mas, me diga uma coisa:- Você conhece a história dela?

Não, né?

Almerinda Farias Gama acreditava na educação, como processo libertador,  e exerceu todos os  esforços pelas causas do ensino, 

Em homenagem a sua grandiosidade foi criado o Ginásio Almerinda Gama (1934) e  livros, peças teatrais, filmes, documentários, prêmios pelo Brasil todinho.

E por que em Maceió, Almerinda é uma quase desconhecida?

125 anos após, para substantivar a memória, história e resiliência da preta advogada maceioense , a Prefeitura de Maceió, a Ordem dos Advogados de Alagoas a vereadora, Olívia Tenório e o Projeto Baobás (Instituto Raízes de Áfricas- Jó Pereira-ALURB)  traz Almerinda  Farias Gama de volta à  sua primeira casa território, Maceió.

Dia 16 de maio tem PL (vereadora Olívia Tenório) que cria  o Dia Municipal de Almerinda Farias Gama e , para marcar a data teremos o plantio do Baobá, dando continuidade ao Projeto Baobás  Instituto Raízes de Áfricas- Jó Pereira-ALURB)

O plantio da árvore mãe é para reafirmar que a história do povo negro ninguém consegue apagar.

Nem o tempo.

Salve, Almerinda Farias Gama!

Programa Maceió é Massa Sem Racismo!

 

Comentários

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Carregando..