Polícia prende homem suspeito de assassinar gari a facadas dentro de ônibus

Redação|
Homem foi preso no bairro do Poço, em Maceió.
Homem foi preso no bairro do Poço, em Maceió. / Foto: Cortesia

Atualizada às 19h35

Foi preso na tarde desta segunda-feira (29) o homem suspeito de assassinar a facadas o gari, Renilson Freire de Souza, de 38 anos, dentro de um ônibus no bairro do Farol, em Maceió, no início da manhã. Identificado como Filipe Cristiano da Silva, 37 anos, o homem confessou o crime, segundo a Polícia Civil.

Ainda segundo a PC, o homem afirmou que praticou o crime porque foi agredido e por tentarem expulsá-lo do ônibus em que estava.

Testemunhas relataram que Filipe Cristiano entrou no coletivo pela porta de desembarque, sem máscara de proteção contra a Covid-19, sem pagar passagem  e que o motorista teria se recusado a seguir viagem.

A discussão entre Filipe e Renilson começou após o gari pedir para que Filipe usasse a máscara dentro do ônibus. Houve discussão, Renilson empurrou Filipe por duas vezes para fora do coletivo, na terceira vez, o gari foi esfaqueado e caiu.

Renilson foi atingido por três golpes de arma branca, um no braço e dois no tórax, segundo o Instituto Médico Legal (IML). O suspeito fugiu do local e foi localizado na tarde desta segunda (29), na Praça Senhor do Bonfim, no bairro do Poço, parte baixa de Maceió. No momento da prisão, Filipe usava a mesma roupa com a qual praticou o crime  e estava com uma faca, possivelmente a mesma usada para matar o gari.

Conforme a PC, a prisão correu após denúncia devido a ampla divulgação das imagens do crime pela imprensa. Filipe tem histórico de violência e sofre de possível transtorno mental, segundo familiares.

 

O caso

Renilson Freire de Souza foi morto a facadas, durante o início da manhã desta segunda-feira, dentro de um ônibus após discussão por uso de máscara de proteção, no bairro Farol, em Maceió. Após o crime, o suspeito fugiu do local e segue foragido.

De acordo com informações repassadas pela Polícia Militar, um homem, ainda não identificado, teria subido no ônibus, que faz linha Benedito Bentes/Ponta Verde, pela porta traseira, supostamente sem fazer o uso de máscara, o que provocou o incômodo de alguns passageiros. Um deles começou a discutir com o homem e foi atingido por uma facada. 

A vítima morreu no local, antes mesmo de receber atendimento. O suspeito desceu em um ponto de ônibus, na Av. Fernandes Lima, e fugiu sentido Casa Vieira, mas até o momento ainda não foi localizado.

As imagens do homem que matou o gari foram divulgadas no fim da manhã e devem ajudar a localizar o suspeito que fugiu do local.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados