Giovana Montemor
Giovana Montemor

Como a organização do supermercado auxilia no EMAGRECIMENTO

Giovana Montemor|

Que as compras organizadas no supermercado ajudam no emagrecimento é um fato, isso é. É algo importante para conseguirmos manter a constância na execução de uma alimentação saudável e/ou para auxiliar no emagrecimento.

Emagrecimento prejudicado por falta de organização com as compras

O que acontece quando não vamos ao supermercado? Comemos o que tem em casa e fazemos a dieta do jeito que dá! E isso definitivamente não combina com alimentação saudável ou com emagrecimento, que exigem habilidades de organização e planejamento bem desenvolvidas. 

O que acontece quando vamos ao supermercado sem um bom planejamento do quê comprar? Compramos alimentos desnecessários, em grandes quantidades ou esquecemos algum ingrediente primordial para a receita ou para o cardápio da semana, e aí fica tudo pela metade.

Resultados disso, ficamos à mercê das situações, como:

  • Comer o lanche do colega do trabalho por que era o que tinha;
  • Ficamos vulneráveis às sabotagens: “já que eu já comi isso errado vou continuar comendo fora da dieta”;
  • Sentimos muita fome porque não tinha o que comer e consequentemente isso levará a um exagero na próxima refeição.

Resumindo, ficamos com uma sensação muito grande de “imprevisibilidade” e nos sentimos inseguros, frustrados e ansiosos a respeito da nossa dieta.

Dicas sobre como fazer compras organizadas no supermercado

É muito importante ter esse planejamento prévio e por isso vou citar 5 dicas que funcionam muito bem para mim e para os meus pacientes nas compras organizadas do supermercado que ajudam no emagrecimento:

1) Reserve um momento da semana para ir ao supermercado

Eu, por exemplo, vou aos sábados pela manhã após a feira (se eu não encontrar na feira orgânica, vou tentar conseguir no supermercado) e o meu plano B é no domingo, e de domingo não passa por que durante a semana não terei tempo, nem disposição!

2) Faça uma lista baseada nesses 5 passos

Antes de ir:

1) abra seus armários;

2) abra sua geladeira;

3) olhe seu plano alimentar;

4) consulte suas receitas (caso queira fazer alguma);

5) pense no que está apetecendo comer (pense no que comeu semana passada e que já está enjoado e no que gostaria de comer na próxima semana). 

Junte todas essas informações e comece a escrever a sua lista de compras!

3) Planeje as quantidades

Depois de feita a lista, é hora de planejar as quantidades. Procure fazer cálculos aproximados de quanto vai precisar de cada item para toda sua semana. Se você comprar “de menos” lá pela quarta-feira a sua alimentação já estará “capenga”. Para produtos perecíveis talvez você precise fazer mais alguma compra durante a semana. Eu, por exemplo, por comprar produtos frescos na feira e acondicionar corretamente as frutas e verduras, consigo obter uma melhor durabilidade (uma semana toda ou mais). 

4) Desafie pensamentos sabotadores

Antes de fazer a lista e antes de ir ao supermercado podem surgir na mente alguns pensamentos de procrastinação ou sabotadores. Se você não tem a quem pedir ajuda ou para quem delegar essa tarefa, você terá que vencer a preguiça, o cansaço ou o fato de não gostar de ir ao supermercado. Pense nos benefícios que terá ao ir e as consequências de uma alimentação inadequada durante a semana toda!

5) Vá com calma

Vá com tempo suficiente para poder olhar as novidades e os rótulos. Sugiro ir principalmente sem fome, pois a tendência é de comprar a mais do que o necessário. Inicialmente tudo isso pode lhe parecer trabalhoso, mas ainda assim é algo que precisa ser feito. De qualquer forma, tudo no início parece mais difícil, requer disciplina, dedicação e persistência. Basta ter paciência e curtir o processo de emagrecimento com todas as novas atividades!

Gostou desse conteúdo? Compartilha com alguém que precisa de incentivo e ajuda no supermercado!

Beijos da nutri

SOBRE O AUTOR

Nutricionista Clínica, Estética e Esportiva. Mestre em Nutrição Humana.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados