Blog do Celio Gomes
Blog do Celio Gomes

Secretariado de JHC tem apadrinhado de Luciano Huck e dois novos “Gabinetes Integrados”

Blog do Celio Gomes|

Finalmente saiu. Passava das 18 horas desta segunda, quatro de janeiro, quando o prefeito de Maceió, João Henrique Caldas (PSB), apresentou o secretariado. Aqui no CM o leitor confere a relação com todos os nomes. Mas a identidade dos escolhidos chegou à imprensa antes do anúncio oficial. E, se eu não errei nas contas e na comparação, o vazamento acertou quase tudo. Dos 21 cargos, 16 titulares estão nas duas listas – na anônima e na confirmada pelo prefeito. Sem dúvida, as informações vieram a público antes da hora por obra e interesse de gente do núcleo duro de JHC.

É sinal de guerra no time antes mesmo de começar o trabalho. Os nomes que não bateram foram estes: Mac Lira, Judson Cabral, Alícia Pita, Moacir Teófilo e Marcelo Maia Lima. O caso mais chamativo aí é o do ex-deputado Judson Cabral, ex-petista que se juntou a Lessa no PDT. O nome dele era dado como certo, mas acabou vetado pelo agora vice de JHC. O desencontro confirma a permanente crise pedetista em Alagoas. 

Além disso, a lista que vazou trazia dois nomes, para duas secretarias novas. Uma delas deveria tratar do caso Pinheiro-Braskem; a outra seria para o enfrentamento da Covid-19 na capital. A pasta sobre o Pinheiro estaria reservada para o delegado federal André Costa, que acabou sendo indicado para a SMTT. A de combate à pandemia seria chefiada por Claydson Moura. Na manhã desta terça, pintou novidade sobre essa iniciativa.

A informação sobre a criação das novas secretarias já era de conhecimento público. A pasta para o Pinheiro foi inclusive promessa de campanha do candidato JHC. Mas parece que alguém esqueceu como é que se faz esse tipo de coisa. De fato, cabe ao Poder Executivo a criação de postos e empresas públicas. Mas o caminho único para isso é um projeto de lei a ser levado à Câmara Municipal. Como está esse projeto tão anunciado?

A novidade é que não serão mais secretarias e sim Gabinetes Integrados da Prefeitura, como diz a publicação da assessoria. Ainda é obscuro o que essas invenções vão render de concreto à cidade. Tem todo jeito de improviso para acomodar aliados na máquina. É aconselhável que o prefeito mostre a cara e explique seu secretariado. 

Além do vacilo de levar quatro dias de gestão pra anunciar os secretários – algo provavelmente inédito na história da República –, o prefeito está devendo informações detalhadas. Reparem que agilidade e transparência foram bandeiras de campanha. As duas qualidades, porém, passam longe no começo do mandato e da jornada.

Um dos secretários nomeados é Carlos Jorge, apresentado como “empreendedor social”. Na verdade, ele dirige uma ONG com atuação na orla lagunar de Maceió. Seu negócio deu um grande salto após ser apadrinhado por Luciano Huck. O novo secretário já participou do programa do apresentador da Globo, o Caldeirão, num campeonato para ganhar o prêmio em dinheiro. Esse rapaz vai acumular a ONG e a secretaria? 

Como na tradição globalista, o anúncio do secretariado por JHC foi feito no Instagram, com esta mensagem: O nosso time está escalado! Montamos uma equipe técnica, competente e muito dedicada para contribuir com a mudança que faremos em Maceió. Agora, vamos ao trabalho!. Isso é campanha. A ver como será na vida real.

SOBRE O AUTOR

Sou formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Alagoas (Ufal). Tenho quase trinta anos de jornalismo. Comecei, com estágios e trabalhos temporários, a partir de 1990. Em 1991 entrei na TV Gazeta de Alagoas. Na empresa exerci os postos de editor, produtor, chefe de redação e diretor de jornalismo. Depois fui editor de política em O Jornal. Adiante, trabalhei como editor de política e editor-chefe no jornal Gazeta de Alagoas. Tive também uma passagem pela TV Pajuçara como editor de telejornais. Exerci ainda o cargo de coordenador editorial na Imprensa Oficial Graciliano Ramos. Durante essa trajetória, nos diferentes veículos, escrevi reportagens e tive um blog com textos diários

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados