Foto: Internet
Cidade de Coruripe

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas (TRE), desembargador Pedro Augusto Mendonça de Araújo, indeferiu os pedidos para envio de tropas federais para os municípios de Satuba (8ª Zona) e Coruripe (7ª Zona). As decisões foram publicadas no  no Diário da Justiça Eletrônico (DJE) desta sexta-feira (09).

Nas decisões, o presidente do TRE de Alagoas destacou que, nos dois casos específicos, o governo do Estado – através de informações prestadas pela Secretaria de Segurança Pública e pela Polícia Militar (PM) – apresentou medidas de garantia da segurança, o que justificaria o indeferimento dos pedidos.

No município de Coruripe, o Comando do Policiamento do Interior (CPI) informou que as ações de prevenção iniciaram dia 31 de agosto, data das convenções, e ocorrerão durante o período de propaganda e campanha até o dia da eleição. Nesta data, haverá duas guarnições da Força Tarefa em cada turno para reforçar o policiamento ordinário na cidade, duas guarnições do Pelopes para a realização de incursões, três policiais em cada local de votação e um oficial no comando das operações.

Ainda de acordo com o CPI, haverá, em Coruripe, uma guarnição do policiamento ordinário para prevenir e reprimir delitos e duas para o local de apuração dos votos. Caso seja necessário, também haverá tropa para o local de comemoração.

No caso específico do município de Satuba, a PM/AL informou que irá dispor a partir do dia anterior à data da eleição efetivo para realizar a guarda das urnas e, no dia da votação, haverá policiais militares em cada local de votação, além do policiamento ordinário da cidade e o reforço de uma guarnição da Rádio Patrulha, totalizando 22 militares.

*com Ascom TRE