Roberto Gonçalves
Roberto Gonçalves

Postado em 22/06/2017 às 20:40 0

Após reuniões com Teófilo sem avanços, professores decidem pela continuidade da greve em Arapiraca

Movimento de paralisação conta com o apoio de pais e mães de alunos


Por Roberto Gonçalves

Arapiraca News

Os profissionais da Educação de Arapiraca decidiram, por unanimidade, a continuidade da greve durante assembleia realizada na manhã desta quinta-feira (22), na Escola Hugo Lima no centro da cidade.

 O presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Educação de Alagoas (Sinteal), regional Arapiraca, professor  André Luiz, informou que depois de quatro reuniões com o prefeito Rogério Teófilo (PSDB) não houve nenhum  avanço com relação às propostas do Executivo Municipal com a categoria que enfrenta a maior greve na educação da história da terra de Manoel André.  

“É a mesma proposta, a última com o diferencial da retroatividade do aumento de 2.33%, contando de abril, porém, esse repasse só começaria a ser incorporado a partir de setembro”, relatou o professor André. A categoria exige o reajuste de 7,64%, completou.

Perguntado sobre futuras reuniões, o presidente afirmou; “com a mesma proposta não haverá avanços”. A educação em Arapiraca tem o comando da secretária Mônica Pessoa, cunhada e indicada pelo deputado estadual Severino Pessoa.

mais nenhuma reunião”. “A proposta da prefeitura não chega nem perto dos nossos direitos. Os profissionais da educação estão se sentindo ridicularizados”,desabafou. Mesmo com a interferência dos vereadores que estavam sendo acusados de omissos nesse processo, não houve acenços. Cerca de 35 mil alunos estão fora das salas de aula.  

A categoria decidiu continuar a greve, e contamos, ainda, com o apoio dos pais e mães dos nossos alunos. A nossa luta é justa, não podemos aceitar essa condição imposta à educação”, afirmou um dos integrantes do movimento.

 


Postado em 22/06/2017 às 12:05 0

Com forró e alegria, Complexo de Equoterapia realiza o seu São João

“Arrasta pé” foi realizado durante toda a manhã desta quinta-feira (22) e contou cm a presença do fundador da instituição filantrópica, o deputado estadual Tarcizo Freire


Por Roberto Gonçalves

“Arrasta pé” foi realizado durante toda a manhã desta quinta-feira (22) e contou cm a presença do fundador da instituição filantrópica, o deputado estadual Tarcizo Freire

Com muito forró pé de serra, alegria, descontração e, sobretudo integração entre servidores e famílias assistidas pela instituição, o Complexo de Equoterapia Tarcizo Freire realizou durante toda a manhã desta quinta-feira (22) o seu “arrasta pé” em comemoração ao São João.

O evento contou com a presença do seu fundador e familiares o deputado Estadual Tarcizo Freire (PP) que caiu no forró e fez questão de cumprimetar todos os presentes. Um trio de forró animou o salão e a alegria contagiou todos os presentes.

Durante o forró, houve farta distribuição de comidas típicas para os presentes  que saboreram a gostosa cangica, o milho assado e cozinhado. O deputado estadual Tarcizo Freire muito feliz, agradeceu a presença de todos os convidados e a dedicação e esforços de toda a equipe que integra o Complexo de Equoterapia pelo sucesso do evento.


Postado em 22/06/2017 às 08:22 0

Surgem novas denuncias de negligência de atendimento na UPA de Palmeira

Em nota prefeitura desmente que criança veio a óbito na UPA


Por Roberto Gonçalves

Menos de uma semana depois da morte do frentista Fábio Nogueira dos Santos, 33 anos, caso que gerou críticas e revolta no Estado, por suposta negligência médica na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Palmeira dos Índios e fez a prefeitura instalar o gabinete da secretaria de saúde na UPA, a morte de um bebê volta a gerar revolta em toda a população.

As informações que circularam nas redes sociais de aplicativos de troca de mensagens apontavam que os pais chegaram com o filho e a equipe plantonista na UPA realizou de imediato o atendimento, embora nas quatro vezes anteriores, quando os pais chegaram com a criança com febre e diarreia  demorou a efetuar o atendimento e até mesmo a encaminhá-lo para internação. Outra informação é de que a criança já teria chegado morta à UPA.

Segundo a mãe, Rafaela Silva dos Santos, a criança adoeceu há quinze dias e foi levada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), quatro vezes antes de falecer. “O atendimento da UPA é ruim e demorado, fui lá quatro vezes com meu filho, os médicos colocavam ele no soro e liberavam. Hoje quando cheguei, eles atenderam na hora, meu filho chegou ruim, mas chegou vivo”, afirmou. O corpo da criança chegou a ser encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Maceió e em seguida liberado para sepultamento.

Nota da Prefeitura

No início desta tarde, já com a finalidade de remediar a polêmica, a assessoria de imprensa da Prefeitura, divulgou nota apresentando uma nova versão da morte da criança e desmentindo que o óbito tenha ocorrido na UPA decorrente de negligência.

Além disso, a assessoria divulgou em grupos de trocas de mensagens um áudio atribuído ao pai da criança, João Batista, no qual ele relata os fatos e alega que o filho recebeu atendimento na unidade, mas a criança não sobreviveu.

 Nota divulgada pela UPA e pela Prefeitura de Palmeira dos Índios:

“A coordenação de Enfermagem torna público que:

A Unidade de Pronto Atendimento de Palmeira dos Índios (UPA) informa que os áudios que circulam em redes sociais, sobre o óbito de uma criança, dentro da Unidade, não procedem.

De acordo com os registros médicos, os pais relataram que, ao acordar de madrugada, em casa, perceberam a criança desfalecida e sem respirar, fato que os levou a trazer a criança até a UPA. O menor J.R.S dos S. deu entrada nesta Unidade diretamente pela área vermelha, trazida pelos pais, em carro próprio, que a equipe de Enfermagem fez o primeiro atendimento com a presença da médica, que foi realizada massagem cardíaca, constatando que o paciente se encontrava com pupilas dilatadas (midríase) e sem estímulos neurológicos. Realizados os procedimentos cabíveis, verificado óbito, comunicado ao pai e encaminhado o corpo para o Serviço de Verificação de Óbito (SVO) para entrega do Atestado de Óbito com a causa morte.

A UPA e a Secretaria Municipal de Saúde agora aguardam o resultado do SVO para dar continuidade ao processo investigativo. Desde já, a coordenação da UPA informa que está prestando todo o apoio à família do paciente e que se coloca à disposição para qualquer esclarecimento.

A UPA ainda informa que o pai da criança, o senhor João Rodrigues, esteve na Unidade e confirmou que a criança já chegou em óbito na UPA e que receberam o devido atendimento médico, tanto da equipe de enfermagem quanto da parte médica.”

 


Postado em 21/06/2017 às 17:43 0

Professores da rede municipal de Santana do Ipanema fazem protesto

Categoria protesto contra a intransigência do prefeito Isnaldo Bulhões que não quer abria um canal de negociação


Por Roberto Gonçalves

Os trabalhadores da rede municipal de Educação do município de Santana do Ipanema, n alto Sertão do Estado, realizaram um dia de greve, nesta quarta-feira(21), contra o arrocho salarial praticado pela administração Isnaldo Bulhões.
 

Em caminhada eles percorreram várias ruas do centro da cidade denunciando o abandono da educação pela gestão municipal. Durante o percurso pararam na porta da prefeitura com faixas e cartazes contra a intransigência do prefeito em não negocia o acordo salarial e a mudança de nível dos professores com curso superior eles continuam recebendo com o nível médio.
 

A pauta do Sindicato dos Trabalhadores da Educação de Alagoas, assinatura do acordo salarial retroativo a maio, enquadramento dos professores concursados através das progressões. Dois diretores do Sinteal foram recebidos pelo prefeito, ele que prometeu estudar uma proposta de ajuste salarial também e garantiu o enquadramento dos professores.

 


Postado em 21/06/2017 às 15:26 0

Radialista e blogueiro é agredido em Bom Conselho (PE)

Claudio André foi agredido a golpes de chicote no momento em que saía da sua residência


Por Roberto Gonçalves

O blogueiro  e radialista, alagoano Cláudio André foi agredido na manhã desta quarta-feira (21) na porta da sua residência  em Bom Conselho interior de Pernambuco. O comunicador estava na porta de casa, por volta das 06h40, e estava de saída para apresentar seu programa na rádio comunitária de Bom Conselho-PE quando foi abordado por dois homens que estavam em uma moto até o moment não identificados.

Segundo informações passadas à imprensa, um deles encontrava-se armado com uma pistola e o outro portava um chicote, sendo este o que agrediu o radialista, desferindo vários golpes que atingiu as costas e cabeça de Cláudio André. A vítima foi socorrida e levada para o hospital municipal Monsenhor Alfredo Dâmaso, onde está sendo atendido.

Até o momento a policia não dispõe de informações quais as causas da agressão e o caso será apurado pela Policia Civil daquela cidade. Claudio Andre é bastantye conhecido em Palmeira dos Índios onde atuou por vários anos nas emissoras Sampaio AM e Palmeira FM.  

 


Postado em 20/06/2017 às 22:26 0

Vereadores e prefeito se reunem para decidir sobre greve na educação em Arapiraca

Decisão foi tomada após a realização de um panelaço no Centro Administrativo e o apelo de uma mãe pedindo providências ao Ministério Público


Por Roberto Gonçalves

Após a realização de uma “panelaço” comadado por pais e mães de alunos da rede municipal de ensino na manhã desta segunda-feira (19) e a indignação e apelo dramático de uma mãe na 96 FM, questionando o posicionamento do Juizado da Infância e da Juventude de Arapiraca, Ministério Público e Conselho Tutelar, o prefeito Rogério Teófilo e os  vereadores se  reuniram no final da tarde desta terça-feira (20) na busca de uma solução para a greve dos professores.

Os vereadores foram acusados de omissos nessa paralisação a maior das últimas décadas na cidade mais importante do interior do Estado na gestão do prefeito Rogério Teófilo.

O encontro tem o objetivo de  discutir o reajuste salarial dos servidores da educação municipal. A reunião também contou com a presença da equipe técnica da Prefeitura e com o presidente do Núcleo Regional do Sindicato dos Trabalhadores Profissionais em Educação de Alagoas (Sinteal), André Luiz.

Em razão dessa reunião da reunião, os vereadores decidiram que não haveria sessão na noite desta terça-feira (20) visto que os membros do legislativo arapiraquense entraram pela noite reunidos com o gestor municipal, para definir a possibilidade de aumento salarial da educação e o fim da paralisação que caminha para dois meses.

A sessão da câmara será retomada normalmente nesta quarta-feira (21), onde será apresentado o que foi decidido na reunião entre os vereadores e o  Rogério Teófilo. 

O gestor apresentou uma proposta de reajuste salarial de 2,33%, para vigorar a partir do mês de setembro. A categoria cobra 7,64% retroativo ao mês de abril, que é a data-base dos servidores da Educação de Arapiraca.

 


Postado em 19/06/2017 às 15:10 0

Pais e mães de alunos da rede municipal de Arapiraca realizam protesto pelo fim da greve

Protesto foi realizado no Centro Administrativo na manhã desta segunda-feira (19)


Por Roberto Gonçalves

Protesto foi realizado no Centro Administrativo na manhã desta segunda-feira (19) Conforme estava programado desde a semana passada centenas de pais e mães de estudantes da rede municipal de ensino ocuparam na manhã desta segunda-feira (19), ao Centro Administrativo de Arapiraca em protesto pelo fim da greve dos trabalhadores da Educação, mobilização que caminha para uma paralisação de dois meses. Munidos com panelas, apitos, megafones e outros equipamentos sonoros fizeram muito barulho. O “panelaço”, como foi chamada a manifestação ficou restrito ao hall principal do Centro Administrativo.

Temerosa com a invasão de outros ambientes do prédio, a Prefeitura Municipal deu ordens para que as portas laterais que dão acessos às secretarias fossem fechadas. O impedimento, no entanto, não desmotivou os manifestantes que ficaram boa parte da manhã no local.

A dona de casa Neide Alves da Silva, residente no bairro Santa Edwiges, tem dois filhos que estudam na rede municipal, fazia parte dos manifestantes. “É um absurdo que nossos filhos fiquem fora da sala de aula. Exigimos que o prefeito Rogério Teófilo acabe com essa greve. Sabemos que só ele, quando quiser, pode acabar com essa paralisação. O pessoal que educa nossas crianças merece reajuste e elas precisam estudar. Nunca imaginei que isso fosse acontecer” isso, desabafou.

A greve dos trabalhadores começou no dia 10 de maio e parece estar longe do fim. A Prefeitura demorou para abrir o canal de negociação com a categoria e, quando o fez, ofereceu apenas 2,33% condicionados para a partir de setembro e, segundo os trabalhadores, a contragosto, porque não queria oferecer nenhum reajuste.

Os trabalhadores pleiteiam não apenas o reajuste salarial de 7,64%, mas melhores condições de trabalho, melhoria da qualidade da merenda escolar, reformas em algumas unidades de ensino, transporte escolar com mais dignidade, entre algumas outras reivindicações.

Prefeitura emite nota:

A Prefeitura de Arapiraca continua de portas abertas ao diálogo com os trabalhadores da Educação do município. Todos os esforços estão sendo feitos para a normalização das aulas em todas as escolas e creches, a exemplo de algumas unidades que não aderiram ao movimento. Hoje mesmo, durante a manifestação ocorrida no Centro Administrativo, a secretária de Educação, Mônica Pessoa, e parte de sua equipe técnica se reuniram com um comitê formado por pais de alunos e integrantes do Sinteal. O objetivo foi esclarecer mais uma vez a situação de Arapiraca em relação à Lei de Responsabilidade Fiscal, dentre outros impeditivos de dar um reajuste maior que os 2,33% propostos para o próximo quadrimestre do ano. O diálogo entre as partes é a única forma de solucionar o impasse para o bem dos alunos de Arapiraca.

 

 


Postado em 19/06/2017 às 12:48 0

Prefeito de Craíbas é internado as pressas com suspeita de infarto

Após avaliação em Arapiraca Ediel Leite foi encaminhado para o Hospital do Coração em Maceió


Por Roberto Gonçalves

O prefeito de Craóbas Ediel Leite (PMDB) 46 anos sofreu um mau súbito, nas primeiras horas da manhã desta segunda-feira (19), em sua residência naquele município. Inicialmente o gestor foi socorrido e levado até o Centro Hospitalar Manoel André (Chama), na cidade de Arapiraca, com suspeita de infarto do miocárdio.

Ediel Leite, foi avaliado por uma equipe médica, que decidiu após os exames encaminhar o prefeito apara o Hospital do Coração (HCor), em Maceió. De acordo com as primeiras informações,, o quadro de saúde do prefeito  é considerado estável, mas inspira cuidados médicos.

Falcão 04 foi acionado no socorro

Uma equipe do socorro aéreo do Falcão 04 foi acionada para realizar a transferência do prefeito, na manhã desta segunda-feira (19), que necessitava de atendimento especializado, do Hospital de Emergência do Agreste para um hospital de Maceió, capital do estado de Alagoas com urgência.

A equipe, composta por um médico e um enfermeiro do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), embarcou junto com a tripulação, que foi auxiliada pela equipe do 7º Grupamento de Bombeiros Militar da cidade de Arapiraca.

O transporte do prefeito foi feito pelos bombeiros até o 3º Batalhão de Polícia Militar de Arapiraca, onde a aeronave aguardava para retornar com o Ediel até a capital do Estado


Postado em 18/06/2017 às 05:39 0

Família denuncia negligência médica na morte de frentista na Upa de Palmeira

Em nota prefeito Júlio Cezar anunciou abertura de sindicância para apurar responsabilidades


Por Roberto Gonçalves

Familiares do frentista Fábio Nogueira dos Santos 33 anos, que não resistiu e morreu após cirusgia na vesícula, denunciam negligência médica na morte do paciente, que segundo eles, teria peregrinado por seis dias na rede pública de saúde de Palmeira dos Índios. A pasta da saúde em Palmeira dos Índios tem o comando da ex-prefeita de Maceió, Kátia Born, que exerceu a mesma função em Rio Largo. Seu espaço na gestão de Júlio Cezar foi um acordo político no PSB.

Em áudio veculados nas redes sociais em tom de revolta, familiar explica que o paciente teria sofrido com o descaso dos médicos, que não diagnosticaram o problema do rapaz, que chegou a dar duas entradas na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Palmeira dos Índios, tendo sido apenas medicado e liberado para casa no mesmo dia sem passar por nenhum exame clínico, além de uma entrada no Hospital Santa Rita.

A família  denuncia da não disponibilização de uma ambulância pela prefeitura para levar Fábio do município para a capital, onde o jovem foi diagnosticado, e necessitou passar por cirurgia.

Em nota, a Prefeitura de Palmeira dos Índios afirmou que uma reunião que contou com a presença do prefeito Júlio Cezar, com equipes da Secretaria Municipal de Saúde, representantes da UPA, o controlador Geral, Klenaldo Oliveira, o procurador do município Marcondes Oliveira, o Secretário de Articulação médico, Emílio Silva e assessores e representantes do Hospital Santa Rita, foi realizada e que será aberta sindicância para apurar responsabilidades.

 Confira  a nota divulgada pela Prefeitura de Palmeira dos índios:

Estamos reunidos neste momento, o prefeito Júlio Cezar, com equipes da Secretaria Municipal de Saúde, representantes da UPA, o controlador Geral Klenaldo Oliveira, o procurador do município Marcondes Oliveira, o Secretário de Articulação Dr. Emílio Silva e assessores. Estamos aguardando a chegada dos representantes do Hospital Santa Rita.                       

Paciente Fábio Nogueira dos Santos deu entrada na UPA, sábado, dia 10 de junho, às 12:47, se queixando de dor abdominal há 24h, com 1 episódio de vômito, não tinha diarreia. Foi atendido pela Dra. Marília Magalhães Moraes Freire, que diagnosticou infecção viral não especificada. Foi medicado e teve alta às 15:14, do mesmo dia.

Paciente voltou, na madrugada de domingo (11), às 03:48. Foi atendido pelo Dr. Fábio Oliveira e Silva, que diagnosticou náusea e vômito. Foi medicado e recebeu alta às 20:01. Nesses dois dias não foi feito ou pedido nenhum exame clínico, e nem hemograma.                       

Foi para o hospital, sem ser encaminhado pela UPA, no dia 13 para o hospital Santa Rita e ficou até o dia 16. Não foi diagnosticado nenhum problema de vesícula. Quadro Abdominal Agudo. Prefeito determinou que fosse aberto uma sindicância para apurar responsabilidades.

 


Postado em 18/06/2017 às 04:49 0

Homem e esposa grávida são executados a tiros em Arapiraca

Ocorrência foi registrada na noite deste sábado (17) no bairro Brasiliana


Por Roberto Gonçalves

Um casal identificado até o momento, por Clésio e Monikelly, foi executado a tiros nas últimas horas da noite   deste sábado (17), na Rua Mauricio Pereira, bairro Brasiliana, periferia de Arapiraca, Agreste do Estado. De acordo com as primeiras informações repassadas a Polícia, a mulher estava gravida e foi atingida por vários disparos de arma de fogo.

De acordo com os primeiros levantamentos da policia, o casal estava chegando em casa, após acompanharem uma apresentação de uma quadrilha junina no bairro Eldorado, quando estavam se preparando para entrar na casa, dois homens em uma motocicleta de características não anotadas pararam em frente, o garupa desceu e começou a atirar no homem, logo após balearam a esposa que já estava na sala da casa.

Os dois morreram no local antes da chegada do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). O desespero de familiares, amigos e vizinhos era grande no momento da chegada da polícia  ao local.  Os corpos permanecem na casa até a chegada do Instituto de Criminalística (IC), Polícia Civil e IML de Arapiraca para os procedimentos de praxe que deve ser feito na manhã deste domingo (18). A Polícia Civil ainda não tem informações sobre a motivação do duplo homicídio.

 

 


Postado em 17/06/2017 às 18:58 0

Professora Renilda Albuquerque morre de infarto em Arapiraca

Educadora fazia parte da direção do Núcleo Regional do Sinteal


Por Roberto Gonçalves

Faleceu na tarde deste sábado (17) vitima de um infarto fulminante  a Professora Renilda Albuquerque, da direção do Núcleo Regional do Sindicato dos Profissionais de Educação de Alagoas – Sinteal aos 60 anos.

Professora Renilda, era irmã do motorista da Câmara Municipal de Arapiraca, Bió. De acordo com informações da família, o corpo será velado na noite deste sábado (17) na residência de João Nunes, pai da professora, na Rua Manoel Nunes Neto, 304, bairro, Capiatã.

O sepultamento acontecerá neste domingo (18) no Cemitério Pio XII do Bairro Baixa Grande, porém o horário os familiares ainda irão definir, se será às 16h00 ou 17 h00.

 


Postado em 17/06/2017 às 11:28 0

Lateral Léo Campos deixa o Asa

Jogador alegou problemas particulares para a tomada de posição


Por Redação com Ascom Asa

A diretoria da Agremiação Sportiva Arapiraquense (ASA) comunicou no início da manhã deste sábado (17), que o lateral-esquerdo Léo Campos solicitou a saída do clube e não faz mais parte do elenco Alvinegro para o restante da temporada. O atleta alegou problemas particulares para a solicitação. O jogador assinou sua rescisão de contrato amigável com o clube e já viajou para a sua cidade natal.

A diretoria Alvinegra cumpriu todos os compromissos acordados com o atleta e agradeceu ao mesmo pelos serviços pretados pelo jogador no tempo em que defendeu e honrou o manto Alvinegro, desejando sorte ao atleta nos próximos clubes em que for defender. No tempo em que vestiu a camisa do ASA. Léo Campos marcou um gol de falta em uma partida cotra o CEO pelo Campeonato Alagoano, em Arapiraca.

“Agradeço a torcida do ASA pelo apoio que sempre me deu, com certeza um dia voltarei a defender as cores do Alvinegro e dar alegrias a essa torcida. Espero que o ASA possa sair dessa situação, ficarei na torcida”, declarou o atleta em entrevista.

O ASA volta a campo pela série C do Campeonato Brasileiro neste sábado (17), às 16h contra o Moto Club, no estádio Castelão em São Luís do Maranhão.