“Não vai haver monopólio dos Calheiros em 2018”, anuncia Rui

Foto: Fillipe Lima / Cada Minuto A0265c7c d4a4 45cf 9a31 10808064a084 Prefeito de Maceió, Rui Palmeira

Em entrevista coletiva após o evento que concedeu a João Dória (PSDB) o título de Cidadão Honorário de Maceió, o prefeito da capital alagoana, Rui Palmeira afirmou que o PSDB terá candidatos fortes ao Governo e ao Senado. “Pode ter certeza o alagoano que não vai haver um monopólio dos Calheiros em 2018”, garantiu, sem confirmar se ele próprio será um desses candidatos.

Rui, que tem seu nome cantado pelo ex-governador Teotônio Vilela como o candidato tucano ao governo estadual, disse ainda que “certamente vai participar do jogo político”, no ano que vem, mas não deixou claro qual será seu papel no time.

Diante da insistência dos repórteres sobre uma possível candidatura ao governo, o prefeito maceioense ironizou: “Quem lançou minha candidatura foram os meus adversários, que falam meu nome o tempo todo”.

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Prefeito do Sertão “antecipa” feriado de sábado para sexta

Ilustração 4ce59ffd f955 4d46 a7ee 963b99caa079 Pão de Açucar

O feriado do Dia do Servidor Público, comemorado no sábado, 28, foi antecipado para hoje – isso mesmo, sexta-feira, 27 - pela Prefeitura de Pão de Açúcar, no Sertão de Alagoas...

A portaria informando sobre o ponto facultativo nesta sexta pegou de surpresa muitos usuários dos serviços públicos municipais, que encontraram órgãos e escolas de portas fechadas.

Além da antecipação inusitada do feriado nacional, o prefeito Flávio Almeida também adiantou para hoje o pagamento dos servidores públicos de Pão de Açúcar.

Se virar rotina, ano que vem o feriado que cai no domingo deve ser comemorado na segunda...

 

 

 

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Joãozinho Pereira e o seu rompimento no joelho

Fc434407 2f99 4145 93c4 fc0460bc11e7 Joãozinho Pereira condenado devolver dinheiro por improbidade administrativa

A família Pereira continua “topada” com a aliança feita com o governador Renan Calheiros. Joãozinho Pereira desmentiu as informações de que ele e seus familiares haviam “rompido” com os Calheiros.

“Rompi, rompi o ligamento do meu joelho... Agora é colocar gelo e panos quente no joelho, esse sim merece precisa de cuidado”

Ele ainda chegou a criticar a imprensa pela ausência de notícia, mas lembre-se Joãozinho onde há fumaça, há fogo!

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Pesquisa revela nome de Alfredo Gaspar ao Senado

Foto: Bruno Levy/CadaMinuto/Arquivo 18d3c176 41cb 481e a710 e4ed65acab2c Alfredo Gaspar

Pesquisa realizada por um grupo de empresários alagoanos revelou o nome do procurador-geral de Justiça, Alfredo Gaspar de Mendonça como um dos mais cotados para ocupar uma vaga no Senado.

A consulta foi realizada em toda a capital alagoana e segundo o desejo dos eleitores esse seria um dos nomes que ganharia em disparada. Os números revelaram que Alfredo Gaspar é o candidato com maior índice de aceitação.

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Renan pede que oposição se una para não dar quórum na votação contra Temer

Agência Senado 5bbbed82 b94b 417a a999 7b9b812d03e8 Renan Calheiros

O senador Renan Calheiros utilizou as redes sociais para falar sobre a votação da segunda denúncia contra o presidente Michel Temer que acontece nesta quarta-feira (25).

No início do vídeo, Renan diz que “não deve falar mais aos deputados saciados pelo mercado do Temer, mas que fala aos de oposição que entendem que todos devem ser investigados”.

“Contribuir com as suas presenças para o quórum será um erro porque vai desobstruir a pauta para que essas crueldades contra a população continuem”, diz Renan.

Para finalizar, Calheiros diz que se a oposição der quórum na votação de hoje, vai permitir que “Temer continue com a agenda perversa contra a população”.

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Denúncia contra Temer é inepta e política, avalia Quintella

Foto: Assessoria Fe32ed0e e5be 4b2c ad87 1ec3021308cc Maurício Quintella

Em entrevista ao Diário do Poder, o deputado federal Maurício Quintella (PR) avaliou que o país está sendo prejudicado pela perda de tempo do Congresso Nacional debatendo uma denúncia “inepta” e com motivações políticas, em referência ao novo pedido de investigação contra o presidente da República, Michel Temer (PMDB).

“A denúncia foi urdida por motivações políticas do ex-procurador-geral da República e é absolutamente inepta, portanto deve ser rejeitada. O país precisa continuar avançando, recuperando sua economia, seus empregos”, disse Quintella ao jornalista Davi Soares.

Nesta segunda denúncia, a Procuradoria Geral da República acusa Temer e os ministros Eliseu Padilha e Moreira Franco de obstrução de Justiça e participação em organização criminosa.

Maurício Quintella é um dos ministros (Transporte) exonerados provisoriamente do cargo para estar na Câmara dos Deputados durante a votação da denúncia, prevista para o dia 25.

 

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Renan alfineta que chefe de Geddel era “ouTro”

Reprodução 7f8f5dfc 2dd4 414d b8f7 6465fb1bbc32

Em postagem em sua conta no Twitter, o senador Renan Calheiros (PMDB) insinuou que o presidente Michel Temer (PMDB), seu inimigo de infância, seria o verdadeiro chefe da organização criminosa integrada pelo ex-ministro Geddel Vieira Lima.

Ironizando o parecer onde a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, defende a prisão preventiva de Geddel, afirmando que ele parece ter liderado uma organização criminosa, Renan fez os seguintes comentários no Twitter:  “Engraçado… Nunca soube que Geddel era o Chefe. Para mim, o chefe dele era outro”, “…era ouTro”, frisou em seguida, com T maiúsculo.

Do pescoço pra baixo é canela...

 

 

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Ex-vereador sertanejo mira Brasília com apoio de Ronaldo Medeiros

Assessoria/Arquivo F03a34ef 4804 4710 9bba 92cca943f8df Edvaldo Nascimento

O combativo ex-vereador por Delmiro Gouveia, Edvaldo Nascimento (PCdoB) pode alçar voos mais altos em 2018. Uma eventual candidatura a deputado federal já conta com o apoio – e o incentivo - do deputado estadual Ronaldo Medeiros (PMDB).

Vale lembrar que o peemedebista, líder do governo na Assembleia Legislativa, é também ligado ao deputado federal Marx Beltrão (PMDB).

Ao que tudo indica, Marx não será o nome da família Beltrão para continuar na Câmara dos Deputados... Só em Brasília.

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Renan Calheiros ataca portaria que muda regras sobre fiscalização do trabalho escravo

Agência Senado 5bbbed82 b94b 417a a999 7b9b812d03e8 Renan Calheiros

O senador Renan Calheiros se posicionou contra a portaria do Ministério do Trabalho que muda as regras de fiscalização (e punição) do trabalho escravo no Brasil. Além de classificar a portaria como um retrocesso, o político alagoano enfatizou que “favorece a escravidão no país”.

Renan comentou ainda que ficou “triste” com a declaração do ministro Blairo Maggi de que só se tinha para comemorar o decreto da escravidão. “Eu jamais pensei um dia em ouvir do ministro Blairo Maggi uma declaração desse tamanho”.

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Após exoneração, secretaria de Agricultura tem nome de novo gestor

Divulgação 3caaf125 f7e8 4a6f b65f b0e0115c0c92 Antônio Dias Santiago

O secretário de Agricultura, Pecuária, Pesca e Aquicultura (Seagri) Álvaro Vasconcelos foi exonerado na tarde desta quinta-feira, 20. O novo nome para comandar a pasta é o servidor do quadro técnico da Embrapa, Antônio Dias Santiago que deve ser empossado nos próximos dias

A indicação do novo gestor partiu de Fernando Collor (PTC) que reforça a parceria fechada entre ele e Renan para 2018.

Quanto ao Álvaro Vasconcellos, dizem que o governo já está vendo onde ele será acomodado. Aguardemos.

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.
Comercial (82) 3313.6040 (82) 99812.2189 comercial@cadaminuto.com.br
Redação (82) 3313.2162 (82) 99664.2221 cadaminutoalagoas@hotmail.com