Roberto Gonçalves
Roberto Gonçalves

Chuvas destroem ponte entre os povoados Pau d’Arco e Sapucaia na zona rural de Arapiraca

Sete Segundos|

A ponte que separa os povoados Pau d'Arco e Sapucaia foi levada pela correnteza do rio Perucaba e separou às comunidades

As chuvas que caíram em Arapiraca desde a tarde da última terça-feira (24) deixaram rastros de destruição em todas as áreas do município. Na zona rural entre os povoados Pau d’Arco e Sapucaia, a ponte que liga as duas comunidades foi destruída e interditou a via principal da região.

Os moradores dos dois povoados ficaram praticamente isolados, uma vez que o acesso pela principal via, a Avenida Josué Messias, está interditado no limite entre os dois povoados, devido à ponte que foi levada pela correnteza do riacho Perucaba, que passa pela localidade.

A foto tirada por um morador da região foi enviada à redação do Portal 7 Segundos, relatando que os moradores não poderão passar pela estrada. Com a ponte destruída, os moradores do Povoado Sapucaia terão que utilizar outras vias de acesso a outras localidades da zona rural para chegar a Arapiraca.

“Para ir para Arapiraca, o pessoal que mora na Sapucaia terá que pegar outras estradas, inclusive as que saem na Rodovia AL 485, do município de Feira Grande para chegar na cidade. Esse percurso é muito mais extenso e demora muito mais”, disse o estudante que mora no Pau d’Arco Herberth Lopes.

O estudante disse ainda que o rio Perucaba passa pela propriedade da avó dele e as águas cobriram parte das terras, na parte baixa do terreno.

Foto enviada pelo internauta Herberth Lopes

“Ficou tudo alagado e tivemos que colocar os animais na parte de cima da propriedade para evitar que um deles possa cair no rio e ser levado pela correnteza, que foi muito forte por aqui. Esperamos que a prefeitura venha logo fazer outra ponte aqui”, informou Herberth Lopes.

 

 

 

SOBRE O AUTOR

Blog Roberto

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados