Vanessa Alencar
Vanessa Alencar

Pane no WhatsApp e Instagram repercute entre políticos, no Twitter:"Apocalipse"

Vanessa Alencar|
Redes sociais
Redes sociais / Ilustração

A pane nos aplicativos WhatsApp, Facebook e Instagram na tarde desta segunda-feira (4) foi parar nos assuntos mais comentados do Twitter (Trending Topics - TTs) e repercutiu também entre políticos alagoanos conhecidos pelo engajamento no microblog. 

Em tom de brincadeira, o prefeito de Maceió, JHC (PSB) aproveitou o momento para divulgar o site oficial do Município: “Quem vê rede social não vê coração! Instagram, Facebook e Zap tão parados, mas nas ruas de Maceió o trabalho continua. Acompanhe a labuta em http://maceio.al.gov.br e simbora. Vem aprender com a gente, Zuckerberg!”, escreveu. 

Um dos mais engajados no Twitter, o senador Fernando Collor também não perdeu a piada e foi um dos primeiros a brincar com a pane nos aplicativos. Logo no começo da tarde, ele postou um “vídeo-meme” de quando foi presidente da República, dizendo: “Eu não posso aceitar. Me desculpem a veemência e a indignação que tomam conta de mim. Chega, chega, basta!”.

O senador ainda divulgou seu grupo no aplicativo de conversas Telegram.

Já a deputada estadual Cibele Moura aproveitou o Dia Mundial dos Animais e o fato de estar “tudo off na rede vizinha” para falar um pouco sobre seus projetos de lei na área de defesa animal.

Em outro post, a parlamentar, de postura assumidamente liberal, ironizou: “A culpa de tudo sair do ar é da iniciativa privada… Vamos aproveitar para estatizar esses serviços?”.

Teca Nelma, vereadora por Maceió, também brincou com a pane compartilhando a piada para que Mark Zuckerberg, dono do grupo Facebook, esperasse 10 segundos e conectasse novamente e falou em “apocalipse”, citando outro dos assuntos que estiveram nos TTs nesta segunda. 

Logo no começo da tarde, o presidente Jair Bolsonaro também usou o Twitter para divulgar seu canal no Telegram: “Muitas redes sociais encontram-se com instabilidade constante, siga-nos no nosso canal do Telegram: https://t.me/jairbolsonarobrasil”.

O site Down Detector, que monitora o funcionamento de sites, apresentou o problema como algo generalizado e que parece ser causado por um erro no Sistema de Nomes de Domínio (DNS, em inglês).

Em nota enviada à imprensa, o grupo Facebook informou apenas que “está trabalhando para que tudo volte ao normal o quanto antes".

SOBRE O AUTOR

Jornalista formada pela Universidade Federal de Alagoas (Ufal) e autora de quatro livros, Vanessa Alencar desenvolve suas atividades como assessora de imprensa e repórter do Cada Minuto, principalmente na área de política. Instagram e Twitter: vanessa_alencar E-mail: [email protected]

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados