Vanessa Alencar
Vanessa Alencar

Agreste: pesquisa mostra intenções de votos para presidência, governo, Senado, Câmara e Assembleia; confira

Vanessa Alencar|
AA, Renan Filho, Marx Beltrão e Jó Pereira
AA, Renan Filho, Marx Beltrão e Jó Pereira / Montagem CadaMinuto

Uma pesquisa estimulada inédita realizada pelo Instituto Falpe em 23 municípios do Agreste de Alagoas, e divulgada em primeira mão pelo blog, revela um retrato da preferência do eleitorado dessa região em relação ao pleito eleitoral de 2022, com intenções de votos para Presidência da República, Governo do Estado, Senado Federal, Câmara dos Deputados e Assembleia Legislativa. 

Foram ouvidas 2.351 pessoas entre os dias 2 e 9 de fevereiro, nos  municípios de Arapiraca, Palmeira dos Índios, Maribondo, Anadia, Coité do Nóia, Tanque D´arca,  Belém, Taquarana, Igaci, Girau do Ponciano, Campo Grande, Olho D´água Grande, São Braz, Craíbas, Limoeiro de Anadia, Campo Alegre, São Sebastião, Junqueiro, Teotônio Vilela, Feira Grande, Lagoa da Canoa, Minador do Negrão e Estrela de Alagoas. 

Albuquerque e Cunha lideram para governo

No Agreste de Alagoas, à pergunta “Desses nomes citados, em quem você votaria para governador?”, 20,5% responderam que votariam no deputado estadual Antonio Albuquerque; logo em seguida, o senador Rodrigo Cunha aparece com 20,25%, ambos com bases eleitorais sólidas na região. 

O ex-prefeito de Maceió, Rui Palmeira, obteve 13% e o deputado estadual Davi Davino Filho, 11%. Também pontuaram Ricardo Barbosa (4,5%); o deputado estadual Marcelo Victor, presidente da ALE (1,5%); e Josan Leite (0,5%). Responderam “nenhum” 15,5% e não opinaram 13,25%.

Os eleitores disseram ainda em quem não votariam: Davi Davino Filho (6,5%); Rui Palmeira (6,5%); Antônio Albuquerque (6%); Rodrigo Cunha (5%); Marcelo Victor (5%); Ricardo Barbosa (4,5%); Josan Leite (4%); Nenhum (15,5%); e Não opinaram (47%).

Trio na disputa pelo Senado

Para o Senado, dos nomes postos, 34,5% responderam que votariam no governador Renan Filho e 29,5% no senador Fernando Collor. O deputado federal e presidente da Câmara, Arthur Lira obteve 16,5%. Responderam “nenhum” 10% dos entrevistados e 9,5% não opinaram. 

Já em quem não votariam para senador, 19,5% disseram que em Arthur Lira; 17,5% em Collor e 13% em Renan Filho. Nenhum (10%) e não opinaram, 4%

A fotografia do momento mostra uma vantagem para o governador - que tem o maior percentual de intenções de votos e a menor rejeição entre os candidatos – na briga acirrada com Collor, e a já prevista presença de Lira para acirrar ainda mais a disputa.

Lula de volta

Dos nomes citados, em quem você votaria para presidente? Para essa pergunta, 51% dos entrevistados responderam que votariam no ex-presidente Lula; o presidente Jair Bolsonaro surge em um distante segundo lugar, com 20,5%; Seguem: Fernando Haddad (5,5%); Ciro Gomes (3.5%); João Dória (0,5%); Guilherme Boulos (0,25%) e Flávio Dino (0,25%). Nenhum (10%) e não opinaram (8,5%).

O questionamento sobre em quem não votariam, ficou assim: Jair Bolsonaro (34%), líder absoluto em rejeição entre os nomes postos, seguido de Fernando Haddad (7,5%); João Doria (7,5%); Lula (6,5%); Ciro Gomes (5%); Guilherme Boulos (3,5%); Flávio Dino (2,5%); Nenhum (10%) e Não opinaram (23,5%).

Deputados reeleitos

Os três primeiros nomes escolhidos para a Câmara dos Deputados e para a Assembleia Legislativa de Alagoas (ALE) mostram a preferência do eleitorado do Agreste por parlamentares que já estão no mandato.

Para a Câmara, os nomes citados que obtiveram mais votos foram os dos deputados federais Marx Beltrão, com 16,25%; Severino Pessoa (11.75%); e Nivaldo Albuquerque (11,25%).

Para a ALE, a deputada estadual Jó Pereira lidera com 15% das intenções de votos, seguida da também deputada estadual Ângela Garrote (13,75%) e do deputado estadual Ricardo Nezinho (12,75%).

Gestões

A pesquisa analisou também a aprovação dos governos Bolsonaro e Renan Filho. 

A gestão do governo federal obteve 37,5% de aprovação e 47,5% de desaprovação. Não opinaram 15%. Já o governo estadual é aprovado por 67,5% das pessoas ouvidas e 28% desaprovam. Não opinaram 4,5%.

A pesquisa do Instituto Falpe tem margem de erro de 3,5% para mais ou para menos e intervalo de confiança de 95%.

SOBRE O AUTOR

Jornalista formada pela Universidade Federal de Alagoas (Ufal) e autora de quatro livros, Vanessa Alencar desenvolve suas atividades como assessora de imprensa e repórter do Cada Minuto, principalmente na área de política. Instagram e Twitter: vanessa_alencar E-mail: [email protected]

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados