Reprodução
Deputado federal João Henrique Caldas, o JHC

(Atualizada às 17h30)

O deputado federal JHC (PSB) e o pai dele, ex-deputado João Caldas não escondem mais de ninguém que a aliança com o DEM foi fechada diretamente com o presidente nacional do partido, ACM Neto, em Salvador, na semana passada.

Ou seja: apesar dos possíveis “entraves” locais, aliados dos Caldas afirmam que o Democratas deve mesmo apoiar a candidatura de JHC à prefeitura de Maceió.

Isso significa dizer que, caso o apoio se confirme realmente, o pré-candidato “passou por cima” do presidente estadual do DEM em Alagoas, José Thomaz Nonô, secretário municipal de Saúde de Maceió, e resolveu o impasse direto no topo da hierarquia.

A tendência era que o DEM de Nonô - aliado do prefeito Rui Palmeira - apoiasse a pré-candidatura do ex-procurador Geral de Justiça, Alfredo Gaspar de Mendonça, que conta com o apoio de Rui e também do governador Renan Filho (MDB).

Pero si, pero no, Nonô ou desmente os Caldas ou terá que rebolar para pegar de volta as rédeas da legenda em Alagoas.

Resposta

Em nota encaminhada ao CadaMinuto, a assessoria de JHC destacou que "não há, até momento, nem em âmbito nacional, nem local, nenhuma tratativa do deputado federal JHC com o partido Democratas. Nesse momento, os esforços e concentração do deputado têm sido no tocante ao combate à Pandemia do COVID-19.

Ilações, por vezes seguidas, têm sido apresentadas por setores da mídia, mas sem nenhuma confirmação das partes citadas. O deputado JHC segue firme, coerente e em busca de melhorias para Alagoas e Maceió, principalmente no momento de crise sanitária pelo qual estamos passando em decorrência da pandemia.".