Roberto Gonçalves

Imposição da pré-candidatura de Célia Rocha por Luciano e Renan repercute em nivel nacional

Os senadores Fernando Collor (PTB) e Renan Calheiros (PMDB) deram o pontapé inicial nas eleições deste ano em Alagoas e lançaram a deputada federal Célia Rocha (PTB) à prefeitura da cidade de Arapiraca, no Agreste alagoano - o segundo maior colégio eleitoral do Estado. A eventual eleição de Célia garantiria imunidade parlamentar ao primeiro suplente dela, o ex-deputado federal Francisco Tenório (PMN), preso sob acusação de assassinato.

Para evitar problemas com a Justiça Eleitoral, Collor e Renan não apareceram no lançamento, mas enviaram o "cacique" da região e representante de ambos: o prefeito de Arapiraca, Luciano Barbosa (PMDB). Célia Rocha é uma das principais aliadas do governador Teotonio Vilela Filho (PSDB). Com o lançamento do nome dela, além de causarem constrangimento ao governador, complicam a estratégia do governo estadual em Arapiraca: lançar o secretário Estadual de Articulação Política, Rogério Teófilo, na disputa ao Executivo pela cidade. Rogério e Célia são do mesmo grupo político há 20 anos.

"Lamento muito, muito, muito mesmo", resumiu o governador sobre a candidatura da deputada. "Apoio Rogério Teófilo", disse, evitando associar os nomes de Collor e Renan na disputa. Ele admitiu, no entanto, que deve se candidatar a senador em 2014, disputando uma vaga com o ex-presidente. "Procuro ter com o Collor uma relação cordial e parceira quando necessário para os interesses do Estado. Com o Renan, tenho uma relação antiga, foi meu parceiro político por 20 anos, depois nos distanciamos nesse último pleito. Passada a eleição, nós voltamos a ter um relacionamento político, no sentido suprapartidário, voltado aos interesses do Estado. É uma pessoa com quem aprendi a conviver. (...) O Renan é um político com quem não descarto futuras aliança, mas no momento não está na minha agenda", disse Vilela.

Francisco Tenório, que poderá ser beneficiado com o pleito em Arapiraca, é acusado de participar de um consórcio de deputados para matar o cabo da Polícia Militar, José Gonçalves, na década de 90. Após o crime, segundo as investigações, houve uma festa na fazenda do vice-presidente da Assembleia Legislativa, deputado Antônio Albuquerque (PT do B), outro acusado pelo crime.

Na semana passada, o Terra revelou que Tenório realizou uma ceia de Natal na Casa de Custódia de Maceió com autorização da Justiça, com a participação do prefeito afastado da cidade de Traipu. A carceragem foi fechada após a divulgação da reportagem.

Fonte: Portal Terra
 

Em 2012 Arapiraca poderá rever o episódio das eleições 2004

1328452674prefeitura

As eleições 2012 em Arapiraca com os dois pré-candidatos já anunciados Rogério Teófilo (PSDB) apoiado pelo governador Teotonio Vilela Filho (PSDB) e a deputada federal Célia Rocha (PTB) apoiada pelo prefeito Luciano Barbosa (PMDB) deve repetir o episódio “vale a pena ver de novo” de 2004, este ano.
Em 2004, o então juiz eleitoral da cidade, João Luiz Azevedo Lessa, deu parecer favorável aos dois pedidos de impugnação movidos pelo Prona e pelo PSB contra a candidatura de Luciano Barbosa (PMDB), à Prefeitura do Município.
A decisão foi após o prazo para as alegações finais das duas partes envolvidas no processo. Luciano Barbosa, na época, foi acusado de manter um relacionamento estável com a prefeita Célia Rocha, que estava sem partido, fato ocorrido em agosto de 2004.
Para conceder a sentença, o magistrado, João Luiz Azevedo Lessa ouviu os depoimentos do candidato e de mais onze testemunhas arroladas no caso, inclusive a própria prefeita, que confirmou o relacionamento, mas alegou que o namoro durou apenas um ano e meio. Até monsenhor Aldo de Melo Brandão, foi convocado para depor. O fato obteve grande repercussão em todo o Estado.
Mesmo com a decisão do juiz, os advogados que representavam Luciano Barbosa entraram com recursos contra a sentença. Os recursos foram encaminhados ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de Alagoas, e ao Tribunal Superior Eleitoral – (TRE) em Brasília.


Improbidade administrativa


Em 2004 a então prefeito Célia Rocha foi acusada pelos ex- vereadores Kleber Torres (PTN), Nascimento Leão (Já falecido) e Ronaldy Vital Rios (PSB) atualmente filiado ao PT, de "quebrar" as finanças de algumas secretarias ao final da disputa eleitoral de 2000. Durante mais de seis anos, os três vereadores apoiaram a administração municipal, com a qual romperam no início de 2004 para apoiar o ex-deputado Dudu Albuquerque (PSB), que disputou a preferência do eleitorado contra Luciano Barbosa (PMDB) pela Prefeitura de Arapiraca e foi derrotado.
As acusações constaram de gravação que teria sido feita durante reunião política da prefeita com os integrantes de sua bancada na Câmara de Vereadores. Questionada na época, sobre o teor da fita, Célia Rocha respondeu: "Como posso acreditar numa fita da qual não tenho qualquer conhecimento? Não ouvi a fita e não conheço seu conteúdo. Não sei se é minha voz. Se for, é montagem com objetivo de atender a algum interesse", defendeu-se.
Célia falou na "lisura, transparência e responsabilidade" dos sete anos e oito meses de sua gestão, e disparou contra os autores das denúncias, afirmando que o objetivo "desse grupo" é a "busca da promoção com base em fatos inverídicos". "É inadmissível que consigam se promover com mentiras e fatos sem fundamento", afirmou a ex- prefeita, que negou a utilização de recursos públicos durante sua campanha de reeleição.

"Meus opositores fazem uma interpretação incorreta das dificuldades por que passa qualquer administração durante uma disputa política", explicou. Com relação à informação de que o então secretário de Finanças Luciano Barbosa (PMDB) seria o responsável pela solução dos "pepinos" e dívidas de sua administração, Célia Rocha explicou que "o grande pepino" de sua gestão foi honrar os sete meses de atraso salarial de seu antecessor, o ex-prefeito Severino Leão (atualmente aliado de Célia Rocha e do senador Renan Calheiros). Na época, a divida com os servidores foi da ordem de R$ 7 milhões.

 

Célia questionou ex-aliados

Em 2004 Célia Rocha questionou que Kleber Torres, Nascimento Leão e Ronaldy Vital Rios eles fizeram parte da bancada governista durante mais de seis anos. Os três vereadores fazem parte, hoje, da bancada de oposição, composta ainda pelos vereadores Cícero Valentim (PTB) e Adoniran Guerra (Prona). Com exceção de Adoniran, ex-candidato a prefeito, os demais integraram o grupo político do então deputado Dudu Albuquerque (PSB), que foi candidato em 2004, a prefeito, com apoio do ex- governador Ronaldo Lessa na época no (PSB) e foi derrotado.

 

Prefeito James Ribeiro se reúne com diretória do Cesmac

1328284907cesmac palmeira

Diretores do Centro de Estudos Superiores de Maceió – (Cesmac) estiveram reunidos na ultima quarta-feira, 01, com o prefeito de Palmeira dos Índios, James Ribeiro na sede do Governo Municipal. Na pauta do encontro ficou definido o inicio das obras do Campus da Unidade de Ensino Superior no município, cujo terreno foi doado pela Prefeitura no bairro Vila Maria.
Fizeram parte da reunião a vice-prefeita Verônica Medeiros (PTdoB) o reitor João Sampaio, vice-reitor Douglas Apratto, coordenadora executiva, Damares Teixeira além de integrantes da Coordenação do Cesmac e do secretário municipal de Infraestrutura, engenheiro civil Jesimiel Pinheiro. Na reunião, a arquiteta Leila Nogueira apresentou a planta baixa do novo Campus Universitário que será construído na cidade de Palmeira dos Índios e que vai atender não somente aos universitários do município mas de toda a região incluindo o município pernambucano de Bom Conselho.
De acordo com o reitor João Sampaio o prefeito James Ribeiro cumpriu com o seu compromisso, nosso objetivo agora, é a  expectativa de ver o campus construído. O prédio vai contar com três pavimentos. O espaço, será de 22 mil metros quadrados e deverá ficar concluído brevemente e atenderá aos graduandos de Enfermagem, Administração, Direito, Biologia e alunos de pós-graduação além dos novos cursos que serão implantados.
Ficou definido pela diretória do Cesmac que o Campus terá o nome do saudoso ex-prefeito e ex-deputado federal Helenildo Ribeiro, aluno da primeira turma do curso de Direito do Cesmac e promotor de Justiça. “É uma homenagem do Cesmac ao maior líder político de Palmeira dos Índios nos últimos 30 anos”. Helenildo Ribeiro iniciou sua trajetória política como líder estudantil e foi vereador por Palmeira dos Índios no inicio da sua vitoriosa trajetória política.
Obras iniciadas
As obras do campus já foram iniciadas e os recursos para a construção deverá ser da ordem de R$ 5 milhões gerando empregos diretos e indiretos e, sobretudo, contribuindo para o desenvolvimento do município, assegurou o prefeito James Ribeiro. A Prefeitura de Palmeira dos Índios não irá medir esforços para ajudar a concretizar esse sonho dos palmeirenses que vai destacar o município como um dos maiores pólos do ensino superior no interior do Estado, completou Ribeiro.

 

 

Foto: Grazi Duarte

Palmeira dos Índios será monitorada por câmeras de segurança

1328130967franaa janior 2

Com uma população de 70.171 habitantes a cidade de Palmeira dos Índios será monitorada por câmeras de segurança. O projeto que viabiliza a inovação na segurança pública da população é de autoria do vereador França Júnior (PSDB) e já foi aprovado e será implantado pelo prefeito James Ribeiro (PSDB). O custo para a implantação do projeto será em parceria entre a prefeitura e a iniciativa privada.
A instalação de câmeras de segurança nas principais avenidas do município surgiu após o parlamentar palmeirense, que é superintendente da União dos Vereadores do Estado (Uveal) visitar a cidade de Quebrangulo, e conhecer a importância do sistema que foi responsável pela diminuição e inibição dos índices de criminalidade naquele município.

As câmeras de vídeo capturam as imagens e as transmitem via circuito fechado de televisão para uma central de monitoramento, onde as imagens são replicadas em tempo real nas telas dos monitores, sob acompanhamento de funcionários que permanecem nessas centrais 24 horas.

O sistema deverá ser operado em parceria entre o Governo Municipal, que deverá criar a Guarda Municipal, e a Polícia Militar de Alagoas. Inicialmente, o projeto prevê a instalação de 37 câmeras em pontos estratégicos da cidade, cujo material, em boa parte, será doado por comerciantes da cidade, que reconhecem a importância da inovação.

França Júnior cobra que o bairro de Palmeira de Fora, seja incluído no projeto inicial, pelo fato da sua importância comercial e população expressiva. O parlamentar teme que, pelo afastamento do centro urbano da cidade e a ausência de monitoramento, o bairro se torne alvo de marginais e da violência. A inclusão de Palmeira de Fora no sistema será uma segunda etapa de luta de França Júnior.
 

Casas populares em Palmeira dos Índios serão entregues em março

1328044507residancias palmeira

O prefeito de Palmeira dos Índios, James Ribeiro (PSDB) prevê para o mês de março deste ano, a entrega de 451 unidades residenciais do novo conjunto Edval Gaia, localizado as margens da Al-115. As unidades foram construídas com recursos do Governo Federal pelo programa “Minha casa minha vida.” As casas estão recebendo o acabamento e os retoques finais.
Na manhã desta terça-feira, 31, o prefeito James Ribeiro esteve reunido no canteiro de obras do conjunto habitacional com a vice-prefeita Verônica Medeiros, secretário de infraestrutura, engenheiro civil, Jesimiel Pinheiro e o Superintendente da Superintendência Municipal de Transportes e Transito (SMTT) Aurélio Mozart. Na pauta da reunião foram definidos os últimos detalhes para a entrega das unidades residenciais.
O novo conjunto habitacional será dotado de toda uma infraestrutura moderna com linha de transporte coletivo, ações da saúde, assistência social e segurança. “É com muita felicidade que visito o conjunto habitacional Edval Gaia com toda essa estrutura montada, 100% saneado e poder realizar o sonho da casa própria de muitas pessoas” assegurou o prefeito James Ribeiro.
Na oportunidade, o chefe do Executivo palmeirense anunciou que o município será beneficiado com mais três conjuntos habitacionais. “Iremos iniciar as obras de mais três conjuntos habitacionais, serão 1.200 casas construídas, representando melhoria na qualidade de vida e na economia com 360 empregos diretos na mão de obra civil”, assegurou o gestor.
A obra do conjunto Edval Gaia está 99% concluída e conta com área de lazer, quadra esportiva, água canalizada e estação de tratamento de esgoto. O conjunto habitacional que já recebeu a visita do governador Teotônio Vilela (PSDB) será entregue as famílias cadastradas no início de março. Dentre as 451 casas do conjunto habitacional, duas casas serão totalmente mobiliadas pelo Governo Municipal para serem sorteadas no dia da inauguração.
O conjunto habitacional Marluce Cordeiro (uma homenagem da administração a uma irmã do ex-prefeito e ex-deputado federal Albérico Cordeiro) situado na comunidade João XXIII está em fase de retoques, e o conjunto radialista Josmário Silva na Vila Maria retomará as obras, agora fazendo parte do programa “Minha casa, minha vida”.
 

Luciano Barbosa deve indicar nome a sua sucessão nesta terça-feira, 31

O prefeito Luciano Barbosa (PMDB) e o senador Renan Calheiros (PMDB) devem anunciar nesta terça-feira, 31, o nome do candidato a sucessão municipal. O nome da deputada federal Célia Rocha (PTB) é o mais cotado para ser indicado.
O impasse até o momento é que Célia Rocha não aceita a indicação do vice do PMDB, que seria do coordenador do Plano Decenal de Arapiraca, Paulo Sergio Barbosa. O nome da ex-prefeita conta com 60% de apoio dentro do PMDB.
Sobre a condição da união estável entre a ex-prefeita e o prefeito Luciano Barbosa, questionada pelo grupo oposicionista, de que a deputada federal não poderia ter o seu nome registrado pelo Tribunal Regional Eleitoral uma fonte ligada ao grupo governista ligada a assessoria de imprensa da prefeitura garantiu que as chances de Célia Rocha ter o nome lançado como pré-candidata são consistentes.
De acordo com a assessoria foram feitas várias consultas a renomados especialistas em Direito Eleitoral no Brasil, tendo a Justiça transitado e julgado o caso, e não existe impedimento para Célia ter o seu nome indicado”, revelou a assessoria do Governo Municipal.
Para reforçar a informação, assegura a assessoria que o prefeito reside há vários anos na casa de sua mãe, em Arapiraca na Avenida Ceci Cunha, é legalmente casado e somente mantém contato político com a ex-prefeita e atual deputada federal.
Oposição mantém candidatura de Rogério Teófilo
Em meio as especulações, o grupo de oposição ao Governo Municipal está confirmado e batido o martelo com nome do atual secretário de Estado da Articulação Política e vice-prefeito de Arapiraca, Rogério Teófilo como pré-candidato do grupo liderado pelo PSDB, com o aval do governador Teotonio Vilela Filho.
Um grupo de 12 partidos já estaria coeso para caminhar juntos na campanha eleitoral deste ano. Para vice na chapa de Teófilo, os nomes mais cogitados são os dos empresários e ex-deputado estadual Marcelino Alexandre e numa composição com o PSD, o nome do ex-vereador Julio Houly.
Além desses nomes, uma terceira via estaria sendo formada para a disputa do pleito, com a indicação do ex-deputado estadual e comunicador Alves Correia (PT do B).
Alves Correia não descarta, mas também não confirma a informação. “É bom ter o nome lembrado, mas ainda não decidi nada sobre isso”, explicou. “Estou só assustando” completou o “derrubado”, líder de audiência no seu programa diário na Rádio Gazeta FM Arapiraca.
 

Governo realiza capacitações em Palmeira dos Índios

Depois de capacitar 98 lideranças comunitárias no município de Arapiraca e promover o debate sobre a importância das organizações sociais no contexto atual, o Seminário de Capacitação para Lideranças dos Movimentos Sociais chega, na próxima quarta-feira (2), a Palmeira dos Índios. Realizado pela Secretaria de Estado da Articulação Social (Seas), o evento acontece das 8h30 às 17h, na Escola Gerson Jatobá (Av. Vieira de Brito).

O objetivo é oferecer para as lideranças locais palestras e oficinas temáticas sobre desenvolvimento sustentável e papel do líder comunitário, além de discutir a composição de comissões provisórias de movimentos sociais. Na quinta (3), a mesma atividade será levada para Matriz do Camaragibe, que terá a capacitação realizada também de 8h30 às 17h, no Centro Juvenil Dom Bosco.

Em Palmeira dos Índios, cerca de cem lideranças devem participar da ação. Já em Matriz, o público esperado é de 50 pessoas. Junto com Arapiraca, os dois municípios são os primeiros a receber o projeto da Seas, que, em 2011, percorreu 98 cidades alagoanas para reconhecer as potencialidades e demandas das comunidades. A expectativa é que, até o final do ano, lideranças de 50 municípios sejam capacitadas.

Em capacitação de lideranças ocorrida em Maceió no ano passado, 250 representantes de vários bairros periféricos da capital foram orientados a dar assistência às suas comunidades. O sucesso obtido fez com que a secretaria expandisse as ações para outros pontos do Estado.

Programação

Em Palmeira dos Índios, a psicóloga Genilda Leão vai falar sobre a importância das organizações sociais no contexto atual. O tema também será abordado no município de Matriz do Camaragibe em oficinas conduzidas pelas agentes multiplicadoras regionais Dulceana Palmeira, Celina Peixoto e Jéssica Palmeira.

Profissionais da Seas ainda orientarão as lideranças e entidades para que passem a ter personalidade jurídica, podendo efetuar contratos, convênios, parcerias e pleitear seus direitos. Outro tema de destaque nas capacitações será a escolha de representantes para formar as comissões provisórias que darão origem aos conselhos municipais, entidades incumbidas de organizar os movimentos sociais em cada município.

De acordo com a secretária adjunta da Articulação Social, Sonály Bastos, o seminário estimula a conscientização das lideranças sobre seu papel na comunidade e favorece a interação entre representantes dos mais variados movimentos sociais, como mulheres, jovens, negros, homossexuais, índios, quilombolas, associações de moradores, religiosos e trabalhadores rurais.

O secretário da Seas, Claudionor Araújo, ressalta que a atividade busca a organização da população e a legalização de entidades. “Esta capacitação é uma das principais ações da Seas, pois capacitar líderes é desenvolver as comunidades e os municípios. É também o movimento de conscientização dos líderes acerca de seu papel transformador na comunidade”.

Em Arapiraca, onde foi dado primeiro passo para o ciclo de capacitações, a secretária adjunta da Seas revelou que o nível de instrução e conscientização das lideranças permitiu uma troca de experiências que será útil para as demais edições. “É um nível de entendimento alto que cada um tem sobre sua condição de liderança, o que é importante para desenvolver as comunidades e legalizar a existência dos movimentos e entidades”, declarou Sonály.

Com Agencia Alagoas

Crime de Sebastião do Café ainda não foi esclarecido

1327710113bastiao cafa

Decorrido um mês do assassinato do empresário e agropecuarista Sebastião Alexandre Soares o Sebastião do Café 62 anos, ocorrido na noite dia 29 de dezembro do ano passado na localidade de Palmeira de Fora, o crime continua sem elucidação. Na noite do crime, o empresário foi forçado a estacionar o veículo que conduzia, uma camionete l-200 Mitssubish de cor prata ainda sem placa na Praça Pedro Suruagy na Avenida Rotari em Palmeira de fora em Palmeira dos Índios.
No momento da execução com características de pistolagem, o empresário estava em companhia de uma jovem identificada como Ataná Gomes da Silva 21 anos, quando foi executado sem nenhuma chance de defesa sendo atingido por disparos de pistola .40 na cabeça. A jovem, testemunha chave do crime foi levada ao Hospital Santa Rita em estado de choque e liberada instantes depois. A jovem que seria integrante da aldeia indígena da Cafurna não sofreu nenhum ferimento.

Origem humilde
Sebastião Alexandre Soares quando jovem era simples agricultor de origem humilde, natural de Rainha Izabel município de Bom Conselho no Agreste de Pernambuco. Consegui comprar, sem dinheiro uma sacaria de café que comercializou, pagou o débito e consegui um bom lucro no negócio. Seu nome que o tornou conhecido, foi após a concretização deste negócio muito bem sucedido.
Em poucos anos tornou-se um homem rico adquiriu propriedades em Bom Conselho, Palmeira dos Índios e Anadia. De acordo com informações da Policia Civil, Sebastião do Café praticava agiotagem e bancava campanhas políticas no Agreste e Sertão. Era Casado, e deixou um único filho.

Delegado solicita novo prazo para concluir o inquérito
O delegado Mauricio Henrique Duarte, diretor de Polícia Judiciária da Área-2 (DPJ2) que preside a comissão que investiga o assassinato do empresário Sebastião Alexandre Soares “Sebastião do Café”, informou nesta sexta-feira (27), que solicitou a prorrogação do prazo para conclusão do inquérito.

O pedido para o prolongamento do prazo por mais 30 dias foi feito a 17ª Vara Criminal da Capital. Segundo o delegado, as investigações sobre o crime continuam e ele espera encaminhar o mais breve possível o inquérito à Justiça.

Também fazem parte da comissão especial que investiga o homicídio os delegados Kelman Vieira, diretor de Polícia Judiciária da Área-1 (DPJ1) e Ana Luíza Nogueira, diretora da Divisão Especial de Investigações e Capturas (Deic).



Foto: Edson Silva - cortesia

Foragido do presídio de Arapiraca morre em confronto com a PM

1327698460iml arapiraca 2

Um dos 26 foragidos do presídio de segurança média, Desembargador Luiz Oliveira Souza, identificado como Rafael Souza de Brito, que residia na Rua Boa Vista bairro do Jacintinho – Maceió, foi executado a tiros na tarde desta sexta-feira, 27 na comunidade Quati periferia de Arapiraca.
De acordo com as primeiras informações da policia o foragido, que não teve a idade revelada foi localizado na comunidade de Quati e teria reagido à ação de uma guarnição do 3º Batalhão, houve reação e o foragido foi ferido a bala morrendo no local. A ocorrência foi registrada por volta das 15h20, segundo informou um oficial do Pelotão de Operações Especiais Pelotão de Operações Especiais (Pelopes) do 3º BPM.

O corpo do foragido já foi removido para o Instituto Médico Legal (IML) de Arapiraca. Nenhum dos moradores do povoado forneceu informações à Polícia Militar sobre a presença de Rafael Souza na localidade. No entanto, os policiais militares foram informados que o foragido estava no local por uma denúncia anônima.

Ainda faltam ser capturados 16 reeducandos, segundo a direção do presídio. A fuga em massa de 26 reeducandos que cumpriam pena no presídio foi registrada no início da tarde desta quinta-feira, 26.

 

Eventos movimentam Palmeira dos Índios neste final de semana

1327689126vis palmeira

É grande a expectativa de visitantes durante este final de semana em Palmeira dos Índios, diversos eventos estão programados na Princesa do Sertão.
Nesta sexta-feira, 27, à noite a Copa Palmeira de Futsal deve mobilizar os fãs do esporte do município e das cidades vizinhas como Estrela de Alagoas, Coité e Jaramataia. É o 10º. ano da edição do torneio que foi resgatado pela campanha do comércio de Palmeira. O nível da competição foi muito alto e deve trazer muitas emoções aos presentes.
Além disso, é um grande incentivo dos empresários locais e do Prefeito James Ribeiro (PSDB) que é um dos maiores incentivadores para o resgate da Copa e após esse evento novas competições deverão nascer.
A corrida que Jegue que tem sempre a cobertura das TVs alagoanas traz também muitos visitantes e atrai a juventude principalmente as crianças que se divertem com os tombos e com competições como pau de sebo, corrida do saco e quebra pote.
E a maior atração é o grande bloco Pura Energia que promete levar muita gente para avenida não somente pelas atrações, mas pela expectativa dos sorteios da maior campanha que o comércio de Palmeira já realizou. O bloco além da grande divulgação da imprensa local fez parcerias com emissoras de Maceió e Arapiraca e por isso deve atrair a juventude de todo Estado e realizar uma festa das maiores que a cidade já viu.
O bloco traz como grande atração o famoso puxador de trios da Bahia Julinho Porradão que deve mostrar um novo show inclusive com uma grande homenagem a Cruz da Jornada Mundial da Juventude que passou pela cidade no último sábado.
E no domingo traz mais um trio elétrico com outra grande banda Asas da América que mistura influencia do carnaval pernambucano e do carnaval baiano. E vem com a estrutura de um dos maiores trios do nordeste.

Comercial (82) 3313.6040 (82) 99812.2189 comercial@cadaminuto.com.br
Redação (82) 3313.2162 (82) 99664.2221 cadaminutoalagoas@hotmail.com