Coluna Labafero

Bêbado, promotor ataca Tribunal de Justiça e até lava-jato nas redes sociais

Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Uma série de vídeos tem circulados nas redes sociais com um promotor, visivelmente embriagado, atacando tudo e todos. As agressões começaram contra o Tribunal de Justiça, mas sobrou até pra um lava-jato na rua de sua casa.

Em um dos vídeos, acusa o TJ/AL de ser o responsável pelas mazelas de Alagoas. "Estou gravando esses vídeos para demonstrar que o Tribunal de Justiça de Alagoas é um ou o principal responsável pelo nosso atraso”. E, depois, partiu pro ataque ao lava-jato da sua rua, por dificultar o estacionamento se seu carro na rua: "Quem são os políticos que vem pra cá? Quem são as pessoas que vêm pra cá? A quem pertence esse lava-jato?”, questionava.

Os vídeos foram postados pelo próprio promotor no Instagram, mas a ressaca — moral — fez com que ele apagasse o conteúdo no dia seguinte. Os devaneios têm chamado a atenção do mundo jurídico alagoano, que vê a situação como uma ameaça para a serenidade que o ambiente exige.

E vale lembrar que, recentemente, o mesmo promotor foi acusado de agredir um defensor público, por ciúmes da ex-mulher. Um perigo.

"Onde essa agenda desumana e repulsiva nos levará?", diz Renan sobre morte de menina no RJ

Foto: Framephoto Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Renan Calheiros

O senador Renan Calheiros utilizou o Twitter para falar sobre a morte da menina Ágatha, no Rio de Janeiro.

Renan escreveu: “Cultura da morte, liberação de armas, licença para matar, genocídios, atitudes sempre belicosas e extremas”. E questionou: onde essa agenda desumana e repulsiva nos levará?

Associação dos Defensores Públicos faz denúncia contra promotor na Corregedoria

Divulgação/Arquivo Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Ministério Público Estadual

(Atualizada às 12h30)

A Corregedoria–geral do Ministério Público Estadual (MPE) abriu um procedimento para investigar a conduta de um promotor, após a formalização de uma representação da Associação dos Defensores Público do Estado de Alagoas.

O nome do promotor não foi revelado e informações, extraoficiais, dão conta de que o promotor teria sido proibido entrar na Defensoria Pública depois que ameaçou funcionários públicos.

O membro do Ministério Público tem 10 dias para prestar informações sobre o caso, que vem sendo tratado com muita descrição.

A Defensoria Pública enviou uma nota esclarecendo os fatos. Confira a nota na íntegra:

Diante da matéria veiculada nos meios de comunicação Cada Minuto e Novo Extra, nos últimos dias, de que a Corregedoria-Geral do Ministério Público Estadual abriu um procedimento para investigar a conduta de um promotor de justiça, após a formalização de uma representação da Associação dos Defensores Públicos do Estado de Alagoas, o presidente da referida Associação, o defensor público Arthur César Cavalcante Loureiro, informa que age em defesa dos direitos de seus associados sempre que provocada, mas que não ingressou com qualquer medida junto ao MPE/AL com objetivo de "proibir" o acesso de quem quer que seja às instalações da Defensoria Pública.

O defensor público-geral do estado, Ricardo Antunes Melro, ressaltou, também, que a notícia não procede, uma vez que não há determinação proibindo o acesso de promotor ou qualquer outro cidadão nos pontos de atendimento da Defensoria Pública em Alagoas.

Deputado arapiraquense deverá patrocinar equipe do Cruzeiro de Arapiraca

Divulgação Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

A “saia justa” do deputado estadual Tarcizo Freire (PP) com os torcedores da Agremiação Sportiva Arapiraquense (ASA) acaba de ganhar mais um capítulo. 

A Auto Escola Aurora, de propriedade do deputado, será uma das patrocinadoras do uniforme do Cruzeiro, uma nova equipe do futebol profissional que está para surgir e se tornar o principal rival do ASA em Arapiraca.

O anúncio, feito durante entrevista de rádio concedida pelo presidente do Conselho Deliberativo do Cruzeiro, Benaldo Santos, deixou os torcedores alvinegros irritados, visto que Tarcizo Freire nunca patrocinou o uniforme do ASA, uma das grandes paixões dos arapiraquenses.

A bronca dos torcedores com Freire começou no último mês de julho, quando uma foto divulgada nas redes sociais registrou uma reunião do deputado com a futura direção do Cruzeiro.

Na época muitos torcedores criticaram Tarcizo Freire, que ao invés de incentivar o fortalecimento do ASA, que passou e vem passando por momentos difíceis em suas finanças, estava articulando a criação de um novo time para a cidade.

MP quer que prefeito retire autopromoção das ruas e órgãos públicos no interior

Foto: Divulgação/Arquivo Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Sede do Ministério Público (MP/AL)

A promoção pessoal do prefeito de Piaçabuçu resultou em uma recomendação do Ministério Público Estadual para que o chefe do poder executivo retire toda informação das ruas e órgãos públicos da cidade.

O MP pediu que seja feita a remoção a imediata remoção de nomes, símbolos ou imagens que configurem promoção pessoal do prefeito ou de qualquer outro agente público vinculado ao poder executivo.

E ainda reforçou que se abster de inserir novamente. “O Ministério Público Estadual adverte que a presente recomendação dá ciência e constitui em mora o destinatário quanto às providências solicitadas, podendo a omissão na adoção das medidas recomendadas implicar o manejo de todas as medidas administrativas e ações judiciais cabíveis contra os que se mantiverem inertes”.

Fernando Collor sobre Bolsonaro: “parece não noção do que está fazendo”

Agência Brasil Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Jair Bolsonaro (PSL)

Para o senador Fernando Collor, o presidente Jair Bolsonaro irá enfrentar grandes dificuldades em sua administração se não conseguir construir uma base parlamentar boa e continuar o discurso radicalizado da campanha.

Collor parece bem seguro em seu conselho, já que perdeu a presidência diante de uma crise com o Congresso. Em entrevista a BBC Brasil, o senador alagoano afirmou que Bolsonaro parece não ter “noção” do que está fazendo.

"Cabe ao Presidente da República abrandar as paixões e procurar unir o país em torno de propostas em favor da nação. E isso nós não estamos vendo acontecer. Nós estamos vendo, ao contrário, é um aprofundamento desse abismo que existe na sociedade brasileira, porque o tom do governo é fortemente ideológico, carregado na questão ideológica", disse em entrevista à BBC News Brasil

Mega-Sena acumulada em R$ 120 milhões sai para funcionários da Liderança do PT

UOL Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Bolão com 49 membros da assessoria do PT na Câmara dos Deputados venceu a Mega-Sena.

O sorteio da Mega-Sena, que estava acumulada em R$120 milhões, foi feito nesta quarta-feira, dia 18, e o resultado saiu para um bolão de funcionários da liderança do PT na Câmara dos Deputados. 

O bolão foi feito com 49 pessoas, entre eles funcionários comissionados e terceirizados.
Cada um deles  receberá aproximadamente R$ 2,48 milhões.

O jogo foi realizado na manhã desta quarta e cada um jogou R$ 10. Não há deputados entre os ganhadores.

As dezenas sorteadas foram: 04 - 11 -16 - 22 - 29 - 33.

Pesquisa velha: resultado com liderança de JHC e Lessa saiu há seis meses

Foto: Reprodução / Internet Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Ronaldo Lessa e JHC

A Gazeta do Povo, portal de importante grupos de comunicação do Paraná, divulgou, pesquisas realizadas pelo Paraná Pesquisas com os cenários para a prefeitura de oito capitais brasileiras. Entre elas, Maceió.
A pesquisa, que mostrou a intenção de votos dos maceioenses, foi reproduzida por diferentes veículos de comunicação de Alagoas, mostrando a liderança de JHC e Ronaldo Lessa.

A pesquisa, no entanto, “é velha”. O levantamento foi realizado entre os dias 13 e 18 de março. 

O Portal Cada Minuto foi o primeiro a divulgar esta mesma pesquisa dia 19 de março.

A reprodução da Pesquisa, induzida pela reportagem da Gazeta do Povo, não causa prejuízos a nenhum grupo ou partido, até porque falta mais de um ano para a eleição. Ms é importante lembrar que a pesquisa é um retrato do momento. Se a foto fosse tirada hoje, será que o resultado sseria o mesmo?

Pesquisa mostra cenário favorável a JHC e Ronaldo Lessa na disputa a prefeitura de Maceió

Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Uma pesquisa eleitoral divulgada pelo Instituto Paraná mostrou a intenção de votos dos maceioenses caso a disputa eleitoral para prefeitura ocorresse hoje. Em simulações de cenários diferentes, os nomes do deputado federal JHC e do ex-governador Ronaldo Lessa apareceram na liderança.

Um detalhe na pesquisa foi que o prefeito Rui Palmeira apareceu em primeiro lugar na pesquisa espontânea, quando o eleitor é apenas questionado em quem votaria sem que sejam apresentados nomes.

 A composição ficou assim: Rui Palmeira com 8,2%, JHC com 1,7% e Cícero Almeida 1,6%.  Na estimulada, JHC aparece com 31,6% e Ronaldo Lessa com 15,1% e o procurador Alfredo Gaspar com 9,1%.

Um dos cenários citava apenas candidatos do PSDB, os três melhores colocados foram: Rodrigo Cunha (61,4%), Eduardo Canuto (12,8%), secretário municipal de governo na atual gestão e o vereador Kelmann Vieira (2,7%).

*Com informações do Gazeta do Povo.

 

 

Marx Beltrão diz que apoia a Lava Jato e não vê necessidade de mobilizar CPI

Agência Câmara Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Marx Beltrão

"Acredito que como toda e qualquer ação, a Operação Lava Jato necessita de aperfeiçoamentos. Mas é inegável a contribuição histórica que esta Operação deu ao combate a corrupção no Brasil. Desta forma, há alguns itens com os quais não concordo em relação à Lava Jato – como, por exemplo, alguns excessos em algumas conduções coercitivas – mas não vejo necessidade de se mobilizar o Congresso em uma CPI sobre esta Operação".

Desta forma, o deputado federal Marx Beltrão (PSD) explicou a razão de não assinar o requerimento para criação da CPI.

E reforçou: "Eu apoio a Operação. Inclusive, a Lava Jato deveria ser ampliada investigando suspeitas de corrupção em instituições como o BNDES".

 

 

Comercial (82) 3313.6040 (82) 99812.2189 comercial@cadaminuto.com.br
Redação (82) 3313.2162 (82) 99664.2221 cadaminutoalagoas@hotmail.com