Ricardo Mota
Ricardo Mota

Em nota ao blog, Bruno Toledo explica por que foi ao evento com Lula em Maceió

Ricardo Mota|
Deputado Bruno Toledo
Deputado Bruno Toledo / Vanessa Alencar/CM

O blog recebeu do deputado Bruno Toledo a mensagem que publico abaixo (é o trecho final) em que o parlamentar explica sua ida ao evento com Lula, na sexta-feira, apesar de não votar nem fazer campanha para o ex-presidente. A questão foi tema de uma nota que publicamos no último sábado, aqui neste espaço (O incômodo do deputado Bruno Toledo no encontro com Lula).

Destaque-se, como sempre, a franqueza do parlamentar - o que não deverá ser seguido por vários dos seus colegas de partido, inclusive, que também estiveram no Centro de Convenções, na última sex-feira.

Considero que é justo transformar sua mensagem ao blogueiro - ou a parte essencial dela - em nota do blog: 

"Sobre a indagação final da matéria, gostaria de me posicionar: votarei e me dedicarei nas campanhas do MDB, meu atual partido, na disputa pelo senado com Renan Filho, por entender que entre erros e acertos, ele fez um governo extremamente positivo e merece representar Alagoas em Brasília; Para o governo do Estado, na reeleição do governador Paulo, por o conhecer de perto e saber de sua capacidade de trabalho e sensibilidade social, atributos que a sociedade também está percebendo, apesar do pouco tempo de governo. 

No cenário nacional, não voto com o pensamento dos meu colegas de partido em Alagoas.
Eles apoiam a eleição do ex-presidente Lula, mas eu não. Vejo o país dividido e com virulência em ambos os polos. Não acredito que isso construa a nação próspera. Não odeio quem pensa diferente de mim e nem espero votos de ninguém apenas pelo fato de apoiar candidato A ou B. Penso que essa forma de seleção é nociva. Participei do evento respeitosamente e em apoio aos meus correligionários locais, senador e governador."

Bruno Toledo

SOBRE O AUTOR

Jornalista, escritor e músico.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados