Blog Roqueiro Mofado
Blog Roqueiro Mofado

BOTEQUIM PAULISTA - Pra beber e ouvir o bom e velho Rock

Fernando Godoy|

         Outro dia me perguntaram: onde é que o cara toma uma escutando o bom e velho rock’n’roll? De prontidão respondi: - Botequim Paulista. O estabelecimento fica localizado na Av. Amélia Rosa no Bairro de Jatiúca, é comandado pela dupla, Carlão e Irineu, notáveis promotores da boa música e da simplicidade dos botecos. Sou um freqüentador do bar desde sua fundação, acho que 2005, onde pude ver daquela época até os dias atuais o botequim crescer e se consolidar neste ramo cada vez mais raro a se atrever a tocar o gênero de Chuck Berry e Elvis, tendo seu ápice nas noites de sábado, onde a coisa chegava a lotar e ter gente saindo pelo ladrão.

         Bastante eclético, possui um astral contagiante e permite por parte da dupla que, se toque qualquer tipo de som, desde que não seja sertanejo, pagode, funks cariocas e adjacências. Parece-me justo, afinal quase todo restante dos bares de Maceió permitem o que eles proíbem.

         Apesar de rolar vários clássicos do rock no “Paulista”, não há como não associar o bar ao Pink Floyd, seja por tocar bastante ou ainda pelo curioso fato de Irineu (um dos donos) ser simplesmente a cópia do David Gilmour.

        Em tempos de pandemia e pós-pandemia a coisa deu uma esfriada, mas espero que volte a ser o que era antes, em termos de freqüência, pois em se tratando de ambiente e som que rola por lá, para mim continua tão atraente como no princípio.

Botequim Paulista

        Além dos tiras de boteco e do som, o barzinho se tornou muito famoso também pelas resenhas quase folclóricas envolvendo a dupla. É que os caras são o que costumeiramente denominamos aqui em Maceió de “ignorantes”, pessoas ligeiramente brutas no lidar e de pouca paciência, sobretudo quando indagados, digamos assim, com perguntas não tão bem elaboradas.

        Fui testemunha e até protagonista de vários desses episódios, mas gostaria de narrar em especial o que se segue. Estávamos eu e Mauricinho (amigo irmão), tomando uma, batendo papo e ouvindo um bom hard rock, quando o referido amigo indagou ao nosso querido Carlão: - o que é que vocês têm de tira gosto? Prontamente o proprietário elencou as opções, dentre as quais, coração de galinha. Analisando o cardápio ditado (até porque físico é coisa de nutella), meu brother resolveu então optar pela iguaria galinácea.

 

       Para surpresa de meu amigo, o coração era ao molho, diferente do que imaginava (na brasa), mas ainda assim ele chama o “Paulista” que o tinha atendido e pergunta: - vc tem farinha? Carlão, cuja fama de “ignorante” já havia tomado conta totalmente do seu ser aquela altura e imbuído quase que por uma vontade incontrolável de exercer seu lado bruto, assim respondeu: - meu amigo isso aqui é bar do paulista não é do cearense, não!!

       Nosso amigo chegou a indignar-se com a resposta desaforada, ainda que diante de incontrolável gargalhada da minha parte. Mais tarde se acalmou e chegou a rir da pitoresca situação. Eles são assim: simples, divertidos e lendários. Cuidado quando for fazer alguma pergunta... fica a dica!

       Como todo bar que se preze há figuras das mais caricatas e resenhas que se pode ter em ambientes assim, com histórias curiosas e esquisitas para psicólogo nenhum botar defeito, mas isso fica para uma próxima vez...

GODOY PAULISTA

 

SOBRE O AUTOR

Cinco amigos alagoanos com uma longa estrada em shows e eventos de Rock editam esse blog com informações e opiniões sobre o estilo. Cedryck Farias - Empresário e músico, Fernando Godoy, Advogado, Betuca Celestino, Engenheiro, Tadeu Breda, Empresário e Victor Falcão, Engenheiro

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados