PC identifica suspeito de matar mulher trans em Maceió, mas homem foge e delegado pede ajuda para localizá-lo

Raíssa França|
Delegado Fábio Costa
Delegado Fábio Costa / Foto: Reprodução/Vídeo

A Polícia Civil já identificou o suspeito de matar a transexual Jasmyne, de 20 anos, que foi esfaqueada no dia 8 de janeiro no Tabuleiro dos Martins, em Maceió. Em um vídeo, segundo o delegado Fábio Costa, o suspeito confessou o crime, mas a polícia não teve como prendê-lo porque não se tinha mandado de prisão e ele não estava em flagrante.

“A vítima foi covardemente assassinada com diversos golpes de faca”, disse o delegado. Fábio Costa reforçou que o suspeito identificado como Mário José Barbosa de Melo confessou o crime, mas não foi preso.

“Infelizmente a nossa lei diz que se o suspeito não está em flagrante delito ou não se tem mandado de prisão, não há como prendê-lo. Nós fizemos o pedido e ele foi acatado 24h depois", explicou Fábio.

Entretanto, quando a PC estava de posse do mandado, não localizou mais o homem. “Ele precisa ser localizado e preso o mais rápido possível. Pode ser que ele tenha fugido para outro estado”.

Fábio Costa pediu que quem tiver informações sobre Mário, deve entrar em contato pelo 181. “Ele é um sujeito perigoso e violento”. 

Segundo o delegado, Mário também responde a outros crimes, como homicídio consumado, tentativa de homicídio e um crime no âmbito da Lei Maria da Penha.

Mário José Barbosa de Melo é considerado foragido

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados