Operação flagra cerca de 3 mil kg de fumo sem nota fiscal em Palmeiras dos Índios

Redação*|
Fiscalização da Sefaz
Fiscalização da Sefaz / Assessoria

Um caminhão que transportava cerca de 3.000 Kg de fumo sem documentação fiscal foi flagrado na noite dessa quinta-feira (14), durante uma operação em Palmeira dos Índios, município de Alagoas. O produto foi retido e resultou em R$30.225,00 de imposto e multa, sendo pagos e a carga liberada.

A ação ostensiva de fiscalização foi composta por 14 servidores fazendários, sendo divididos entre as duas cidades.

De acordo com a superintendente de Planejamento Fiscal, Alexandra Vieira, a ação do Contribuinte Arretado, mais propriamente a Operação Cartão de Visita, busca justamente esclarecer aos contribuintes quanto à necessidade de autorregularização de certos aspectos cadastrais e de emissão de documentos fiscais, sem o intuito punitivo.

“Essa atuação da Receita Estadual demonstra o compromisso do Estado em combater a concorrência desleal, assegurando recursos para serem aplicados em Alagoas. As atividades de fiscalização não pararam e seguem durante a pandemia da Covid-19. A Sefaz é uma defensora dos contribuintes que cumprem com suas obrigações tributárias e acessórias”, ressalta.

 A ação fez parte do programa Contribuinte Arretado e ocorreu simultaneamente nos municípios de São Miguel dos Campos e Palmeiras dos Índios.

*Com Sefaz 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados