Vereadores denunciam prefeita por repassar valor do duodécimo menor do que previsto

Coluna Labafero|
Ministério Público Estadual (MP/AL)
Ministério Público Estadual (MP/AL) / Foto; Assessoria

O vereadores do município de Campo Grande encaminharam uma denúncia ao Ministério Público Estadual (MPE/AL) contra a prefeita do município, que assumiu o cargo interinamente durante o processo das eleições suplementar.  

Segundo a Câmara de Vereadores do município, durante esses meses de gestão a prefeita vem repassando o duodécimo do Poder Legislativo com valores menores do que o devido, além de não atender a requisições de informações feitas a tempo e forma regulares;

Na portaria, publicada no Diário Oficial do Ministério Público, o promotor Sérgio Ricardo Vieira colocou que as as práticas podem caracterizar, caso sejam confirmadas, atos de improbidade administrativa que atentam contra os princípios da administração pública. 

O promotor estabeleceu o prazo de 20 dias para que a gestora do município apresente explicações. 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados