Autor dos disparos que feriu e matou jovem de 18 anos em Mar Vermelho é preso na BR-316

Redação*|
Lizandro Dantas Melo da Silva, de 18 anos, morreu dois dias depois que foi baleado na cabeça por uma bala perdida.
Lizandro Dantas Melo da Silva, de 18 anos, morreu dois dias depois que foi baleado na cabeça por uma bala perdida. / Foto: Reprodução / Redes Sociais

A Polícia Civil, por meio de agentes do Núcleo de Inteligência (NI), prendeu o homem que efetuou um disparo de arma de fogo e matou o jovem Lizandro Dantas Melo da Silva, de 18 anos, na madrugada do dia 12 de setembro, no município de Mar Vermelho, no Sertão alagoano.

De acordo com informações da PC, o homem foi preso, na tarde desta terça-feira (21), por volta das 14h30, com o apoio de policiais civis da Delegacia do Pilar, na BR-316. No momento da abordagem os policiais encontraram e apreenderam com o acusado uma pistola calibre 9mm, dois carregadores e duas caixas de munição do mesmo calibre, perfazendo um total de 117 munições.

Arma apreendida com o autor do disparo - Foto: PC/AL

“Após solicitação da Delegacia Regional de Viçosa, responsável pela investigação, o mandado de prisão foi expedido no final da manhã de hoje, e, por volta das 14h30, o acusado foi localizado e preso”, disse um agente do NI da Polícia Civil.

O delegado Regional de Viçosa, Fabricio Nascimento, o homem, que não teve o nome divulgado, tem 36 anos. Ele, após uma discussão em um bar no Centro da cidade de Mar Vermelho, sacou de uma arma e efetuou disparos. No entanto, o disparo não atingiu a pessoa com quem ele tinha se desentendido, mas sim o estudante Lizandro, que foi atingido na cabeça. 

O jovem chegou a ser socorrido e levado para um hospital. Ele chegou a ser transferido para o Hospital Geral do Estado (HGE), em Maceió, mas não resistiu e faleceu dois dias depois. O crime chocou a cidade do Sertão de Alagoas, pois, Lizandro era muito conhecido e bem quisto.

O mandado de prisão foi expedido pela juíza Juliana Batistela de Alencar, da Vara do Único Ofício de Viçosa, após representação feita pela Delegacia Regional da mesma cidade.

Após a prisão, o homem foi levado para a Central de Flagrantes, em Maceió, para a realização dos dos procedimentos cabíveis.

 

*Com Informações da PC/AL

 

 

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados