Com 1.444 novas mortes, Brasil tem 3º dia de média abaixo de 1.200

UOL|
Foto: Reprodução / Edmar Barros

O Brasil registrou hoje 1.444 novas mortes de covid-19, acumulando 547.134 óbitos pela doença desde o início da pandemia no país. Os dados foram obtidos pelo consórcio de veículos de imprensa, junto às secretarias estaduais de saúde. Com isso, a média móvel de mortes ficou em 1.155.

 Hoje é o terceiro dia em que o índice fica abaixo de 1.200. Ainda sim, o número é alto e está acima de mil há 183 dias. Durante a chamada primeira onda, o maior tempo que a média ficou acima de mil foi por 31 dias.

O indicador é considerado a melhor forma de analisar o avanço ou regresso da pandemia, uma vez que consegue corrigir as flutuações nos dados das secretarias de saúde que ocorrem aos fins de semana e feriados, quando os estados trabalham em esquema de plantão.

Entre as 20h de ontem e hoje foram registrados 49.603 novos casos de infecção pelo coronavírus. O total de diagnósticos positivos desde o começo da pandemia está em 19.524.092. 

Nas últimas 24 horas, três estados apresentaram mais de cem mortes de complicações geradas pela covid-19: São Paulo: 493; Rio de Janeiro: 180; Minas Gerais: 144.

Amazonas e Goiás registraram tendência de alta. Outros nove estados e o Distrito Federal apresentam estabilidade e 15 marcaram queda nos índices. A média dos últimos sete dias é comparada com o mesmo índice de 14 dias atrás. Se ficar abaixo de -15%, indica tendência de queda, acima de 15% é aceleração e, entre esses dois valores, indica estabilidade.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados