Caminhoneiro alagoano desaparecido, há cinco dias, é encontrado morto às margens de rodovia em Sergipe

Redação|
José Wilson de Souza Júnior
José Wilson de Souza Júnior / Foto: Reprodução / Internet

O caminhoneiro alagoano, morador do município de Água Branca, e que estava desparecido há cerca de cinco dias, no estado de Sergipe, foi encontrado morto no início da tarde desta segunda-feira (21).

A informação foi confirmada pela Secretária de Segurança Pública de Sergipe (SSP/SE). José Wilson de Souza Júnior, 44 anos, foi encontrado sem vida em um matagal, às margens da BR-101, próximo ao município de São Cristóvão, no referido estado.

José Wilson, era natural de Água Branca, no Sertão de Alagoas, e viajava sempre a trabalho, realizando fretes de mercadorias entre os dois estados. Ele guiava um caminhão Mercedes Benz, de cor azul e placa OHC-7551/ Água Branca.

De acordo com informações da polícia, o caminhoneiro foi visto pela última vez em um posto de combustíveis, na cidade de Pedrinhas, interior sergipano.

O desaparecimento de José Wilson repercutiu nas redes sociais, onde internautas compartilharam fotos e informações pedindo para que as pessoas ajudassem a encontra-lo.

Na última sexta-feira (18), o governador de Alagoas, Renan Filho, divulgou um vídeo, em seu perfil em uma rede social, informando que havia sido informado do desaparecimento e que também teria solicitado às Forças de Segurança de Alagoas o monitoramento dos limites do Estado e apoio na procura por José Wilson.

O corpo do caminhoneiro foi colhido pelo Instituto Médico Legal (IML) e aguarda liberação para sepultamento, que deve ocorrer em Alagoas. O caminhão conduzido por ele ainda não foi encontrado.

O crime tem autoria e motivação desconhecida e será investigado pelas Polícias Civis de Alagoas e Sergipe.

 

 

 

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados