Presidente da AMA reforça a importância da transparência pública no lançamento do e-Prevenção

Assessoria|
Foto: Assessoria

Um município transparente que adota as ferramentas tecnológicas, para prevenção da corrupção, fortalece as instituições públicas e ajuda a prevenir falhas em pontos mais vulneráveis. Com apoio da AMA, a plataforma de autosserviço on-line ‘e-Prevenção’ é uma ferramenta de autoavaliação, com orientações e treinamentos para implantação de boas práticas. O programa será conduzido pelo Fórum Estadual de Combate à Corrupção de Alagoas (Focco-AL), com coordenação e execução pelas Redes de Controle. A solenidade de lançamento, totalmente a distância, aconteceu nesta quarta (16) com a participação do presidente da Associação, Hugo Wanderley.

“O nosso compromisso é estar sempre vigilantes para uma gestão eficiente, transparente e capacitada para as boas práticas. Por isso, a Associação tem disponibilidade para criação de cursos que são fundamentais para prevenção de atos falhos, para evitar também a punição por desconhecimento de gestores que agem de boa fé”, disse Hugo, durante a apresentação do programa. A ferramenta irá oferecer a estrutura necessária para que cada ente público elabore e coloque em prática um plano de ação específico nos municípios.

Segundo o coordenador do Focco-AL, Claudivan Costa, as instituições já estão adotando ações com uso de ferramentas da tecnologia da informação, como a inteligência artificial, para desestimular atos infracionais. Nós precisamos atuar nas causas da corrupção a partir da prevenção”.

A solenidade de lançamento contou, junto com a AMA e o Focco-AL, com a participação do Superintendente da Controladoria-Geral da União (CGU), Moacir Rodrigues; o presidente em exercício do Tribunal de Contas do Estado de Alagoas (TCE-AL), conselheiro Fernando Toledo; o diretor-Geral da Escola de Contas do TCE, Conselheiro Rodrigo Siqueira;o Secretário do Gabinete Civil, Fábio Farias; o presidente da ALE, Marcelo Victor; a controladora-geral do Estado, Maria Clara Bugarim; e o presidente da OAB, Nivaldo Barbosa.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados