Lideranças portuárias apoiam municipalização do Porto de Maceió e criticam "tratamento colonial" da atual administração

Alícia Flores*|
Porto de Maceió
Porto de Maceió / Foto: portodemaceio.com

Lideranças sindicais e empresariais responsáveis pelo exercício da atividade portuária demonstraram apoio ao prefeito de Maceió, JHC, pelo projeto de municipalização do Porto de Maceió, por meio de uma nota, divulgada ontem (11).

“É absolutamente injustificável que o único porto público de Alagoas, com seus mais de 80 anos de história, continue recebendo tratamento colonial, sob ordens expressas emanadas de uma distante ‘matriz’, sediada em Natal-RN, e, não raro, visivelmente dissociadas de aspectos econômicos, políticos e sociais de vital relevância local”, diz a nota.

Os empresários afirmam, ainda, que a proposta, enviada ao Ministério da Infraestrutura, possui reais condições de “alavancar a modernização gerencial do Porto de Maceió, além de potencializar a geração de projetos de grande alcance econômico e social para a cidade, com reflexos extensivos a todo o estado”.

*Estagiária sob supervisão da editoria

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Todos os direitos reservados