Foto: Gustavo Xavier / Cortesia

O empresário Cícero de Andrade, acusado de atirar em um garçom em um restaurante na praia do Francês na tarde de ontem (19), foi preso neste sábado (20) por equipes da Divisão Especial de Investigação e Capturas (Deic).

A prisão foi realizada no condomínio Aldebaran e, segundo o delegado Gustavo Xavier, o acusado, ao perceber que a polícia estava fazendo diligências pela região, saiu de casa dirigindo o carro da esposa.

“Conversei com a esposa e ela informou que ele tinha acabado de sair em direção à Central de Polícia, com a intenção de se furtar da autuação em flagrante”, disse o titular da Deic.

Durante a prisão, também foi apreendida a arma do crime.

O caso

O empresário disparou cinco tiros de arma de fogo contra o garçom de um restaurante, no final da tarde de ontem (19), na praia do Francês, no município de Marechal Deodoro.

Segundo testemunhas, o acusado estava bêbado e disparou cerca de 17 tiros ao total, sendo cinco deles contra o garçom do estabelecimento. 

Quando as guarnições da PM chegaram à praia, o suspeito já tinha fugido do local em um veículo do tipo Hilux.

 

*Estagiária sob supervisão da editoria