Reprodução / TRE-AL
Fake News

Após perceber que informações conflituosas circulam em redes sociais, o Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas (TRE/AL) esclareceu nesta segunda-feira (19), por meio de nota divulgada nas redes sociais, que  o horário de votação das 7h às 10h, nas próximas eleições – com primeiro turno em 15 de novembro e segundo turno no dia 29 – não será exclusivo para idosos, mas preferencial para eleitores que tenham acima de 60 anos.

O órgão ressaltou que, por lei, os idosos têm preferência de qualquer forma, mas, o caso do horário da votação, significa que eles serão colocados sobre todas as prioridades. “Por exemplo, se tivermos, na fila de votação, entre 7h e 10h, uma gestante e um idoso, a prioridade será o idoso. No mesmo caso as pessoas com mobilidade reduzida”, explicou a assessora de Comunicação do TRE/AL, Flávia Gomes de Barros, lembrando que os idosos fazem parte do grupo de risco da Covid-19.

Apesar dessas recomendações, o TRE/AL ressalta que nenhum eleitor será impedido de votar no referido horário. No entanto,  devem apenas respeitar a prioridade estabelecida pelo TSE para os idosos. Além disso, os eleitores que tenham a partir de 60 anos não precisam ficar restritos ao horário das 7h às 10h. Eles poderão votar em qualquer momento, no período das 7h às 17h, em que durará o dia de eleição.

A orientação de estabelecer o horário entre 7h e 10h como prioritário para receber os votos dos idosos foi estabelecida pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), no Plano de Segurança Sanitária das Eleições Municipais de 2020, e incorporada às normas eleitorais por meio da Resolução 23.631/2020. A votação, aliás, ressalta a assessora de Comunicação, foi antecipada em uma hora – normalmente, começa às 8h -, para que se tente evitar aglomerações.

 

*Com TRE/AL