A defesa da vice-prefeita de Arapiraca, Fabiana Pessoa, pode acionar à Justiça para oficializar a posse no cargo de prefeita. Na manhã desta segunda-feira (10), o advogado Moisés Balbino informou que o presidente da Câmara, vereador Jairo Campos, não foi localizado para dar andamento no trâmite da posse. 

Balbino destacou que foi até a sede do Legislativo protocolar o documento solicitando que a Câmara faça os procedimentos necessários, para que ela tome posse o mais rápido possível, entretanto, a ausência do presidente da Casa fez com que os trâmites legais se tornem ainda mais demorados.

“O decreto de luto de três dias não impede a posse da prefeita. Ela pode tomar posse, mas na próxima sessão legislativa, ela pode fazer o juramento para poder cumprir os protocolos legais”, disse o advogado.

Moisés afirmou ainda que a equipe jurídica foi recebida na sede do legislativo pelo procurador e que ele mesmo foi quem realizou o protocolo da documentação, e que o vereador Jairo Barros não se encontrava.

“O que a prefeita quer é conciliar, é serenidade no município, para que junto com o povo de Arapiraca, possa enfrentar e ultrapassar essa crise”, finalizou.

*Sob supervisão da editoria