Foto: Divulgação
Marx Beltrão

O coordenador da bancada federal em Alagoas, deputado federal Marx Beltrão (PSD), está decidido a não aceitar passivamente o aumento de 12% na tarifa de energia elétrica praticado pela Equatorial. E mais: o parlamentar também afirma que não vai se calar na cobrança por serviços de qualidade e pelos investimentos de     mais de R$ 545 milhões que a empresa se comprometeu a fazer em Alagoas quando comprou a antiga CEAL.

Nesta quinta-feira (02), Marx Beltrão aciona novamente o Ministério Público Federal contra a empresa. E maio deste ano, Marx já havia pedido que o MPF ajuizasse ação civil pública (ACP) contra o aumento na conta de energia. Agora, Marx não somente reforça este pedido como solicita que a Procuradoria Geral da República (PGR) exija que a Equatorial faça os investimentos que se comprometeu quando da aquisição da ex-CEAL, em dezembro de 2018.

Esta é mais uma dor de cabeça para a empresa, que vem sendo alvo de uma enxurrada de críticas desde quando se instalou no estado. Marx Beltrão tem sido o porta-voz das cobranças por melhoria dos serviços da Equatorial e em defesa dos alagoanos. “Basta de tanto desrespeito, pagamos muito caro e merecemos energia de qualidade” disse o deputado ao Cada Minuto. Os alagoanos agradecem o empenho do parlamentar.