Cortesia - Saomiguelweb.com

Presos da Delegacia Regional de São Miguel dos Campos iniciaram na tarde desta quarta-feira (08) uma rebelião, após a proibição do banho de sol e visitas, determinada pelo juiz Kleber Borba Rocha.
A determinação judicial se deu após o último tumulto ocorrido na Regional, quando após uma revista minuciosa foram encontrados vários aparelhos celulares e armas artesanais, além de uma quantidade de sementes de maconha.

Nesta quarta-feira, 08, quando assumiu o plantão os agentes da Delegacia de Teotônio Vilela, sob o comando do delegado Ailton Prazeres, os presos iniciaram um novo tumulto. “Estamos cumprindo a determinação do juiz e não iremos liberar o banho de sol nem visitas”, esclareceu o delegado.

Revoltados, os detentos conseguiram abrir algumas celas e foram para o pátio, onde iniciaram o motim. “Eles arrancaram as grades de três celas e escoraram a entrada principal da carceragem, ameaçando quebrar tudo”, contou o chefe de serviço Junior.

Temendo uma fuga em massa, o delegado acionou a Polícia Militar e pediu apoio a Guarda Municipal, que estão no local. “Pedimos apoio do Tigre e caso seja necessário iremos acionar o Bope”, informou Dr. Ailton.

Neste momento homens da Polícia Militar, Tigre e Guarda Municipal fazem uma varredura geral nas celas. O Instituto de Criminalística (IC) também foi acionado.

Durante vistoria polícia já encontrou crack, maconha e aparelhos celulares.