O presidente Luiz Inácio Lula da Silva vai receber da Unesco um prêmio por incentivo à paz. A cerimônia de premiação está marcada para julho. O anúncio foi feito ontem pelo ex-presidente de Portugal Mario Soares, que integra o júri do prêmio "Paz Félix Houphouët-Boigny 2008".

 

Segundo Soares, o presidente Lula foi escolhido pelas ações que tem promovido em defesa da paz. "Decidimos conceder ao presidente Lula, por suas ações em busca da paz, do diálogo, da democracia, da justiça social e da igualdade de direitos, assim como por sua valiosa contribuição para a erradicação da pobreza e a proteção dos direitos das minorias".

 

Entre as personalidade que já receberam este prêmio estão Nelson Mandela, Yitzhak Rabin, Shimon Peres, Yasser Arafat, rei Juan Carlos da Espanha, o presidente senegalês Abdoulaye Wade e os ex-presidentes dos EUA Jimmy Carter e da Finlândia Martti Ahtisaari. Alguns agraciados receberam, posteriormente, o Nobel da Paz.

 

Segundo o órgão, o prêmio foi criado em 1989 e homenageia anualmente pessoas, organizações e instituições que tenham contribuído significativamente para a promoção, a pesquisa, a preservação e a manutenção da paz em conformidade com a Carta das Nações Unidas e a Constituição da Unesco.