A aprovação da PEC dos Vereadores pela Comissão de Constituição e Justiça do Senado Federal deu novas esperanças aos mais de 100 suplentes de Alagoas. Em Arapiraca, segundo maior colegiado eleitoral do Estado, o quadro aumentaria de 13 parlamentares para 21.

Os oito possíveis vereadores ganharam esta semana um grande apoio, o do senador alagoano Renan Calheiros (PMDB), que em reunião com oito dos 13 suplentes afirmou a eles que o projeto será aprovado pelo plenário do senado, principalmente com a sua ajuda e influência entre os demais senadores.

O pedido foi feito pelo prefeito de Arapiraca, Luciano Barbosa (PMDB),. Segundo Barbosa, o aumento do quadro legislativo ajudará a ter um debate mais acalorado. “Vou ter até mais trabalho, mas será muito bom para os municípios”, opinou.

Calheiros afirmou que o projeto será sim aprovado pelo senado e que os vereadores terão que cobrar junto com a Câmara Federal. “A principal solução será na Câmara, pois no senado o projeto passa”, falou o senador, acrescentando que o aumento no número possibilitará para a população mais fiscalização e participação por parte dos parlamentares.

A cidade de Arapiraca poderá passar a ter os seguinte vereadores: José Lúcio (PMDB), Sidney Geni (PMDB), Dra. Valquiria (PSDB), João Vicente (PRTB), Fernando Barbosa (PT do B), José Carlos Barbosa (PSC), Fabiano Leão ( PRP ) e Edvanio do Zé Baixinho ( PRP).