Hélio Castro Neves, 33, vencedor da prova em 2001 e 2002, conquistou neste sábado a primeira posição no grid para a corrida deste ano, quarta etapa da Indy, marcada para o dia 24.

É a terceira vez que o piloto da Penske crava a pole para a mais tradicional prova do automobilismo americano _ele já havia saído na frente em 2003 e 2007.

Além dele, Emerson Fittipaldi, em 1990, Bruno Junqueira, em 2002, e Tony Kanaan, em 2005, conquistaram poles para o Brasil no superoval.

A conquista deste sábado, porém, tem um sabor diferente para Castro Neves. Consagra sua volta por cima.

Há exatos 22 dias, ele se livrava dos processos de fraude contra o fisco dos EUA. Por causa do imbróglio judicial, que poderia resultar em condenação de até 35 anos de prisão, o brasileiro ficou impedido de correr a primeira prova do campeonato, em St. Petersburg. No dia 17 de abril, porém, ele foi inocentado de todas as acusações.

Com 2min40s0967 no acumulado das quatro voltas, Helinho ficou com uma vantagem de 0s5573 para Ryan Briscoe, fechando, também, uma dobradinha da Penske no grid.

Dario Franchitti largará da terceira posição, com tempo acumulado de 2min40s7068, seguido por Graham Rahal, da Newman Haas Lanigan.

Scott Dixon, companheiro de Franchitti na Ganassi e campeão da Indy 500 do ano passado, sai em quinto.

Além de Castro Neves, outros dois brasileiros se classificaram entre os 11 primeiros, as posições que estavam em disputa neste sábado, o tradicional "Pole Day".

Tony Kanaan, piloto da Andretti Green, ficou com a sexta posição no grid, com 2min40s9934, com Mario Moraes, que defende a KV, a uma posição atrás.

Marco Andretti, parceiro de Kanaan, aparece na oitava posição, seguido por Will Power, com o terceiro carro da Penske, e Danica Patrick, também da AG.

Alex Lloyd fechou os classificados neste sábado, com o tempo de 2min41s7093.

As atividades em Indianápolis continuam neste domingo, quando serão decididos os pilotos entre a 12ª e a 22ª posições.

Grid de largada, 11 primeiras posições:

1°. Helio Castro Neves (BRA/Penske), 2min40s0967 (4 voltas)
2°. Ryan Briscoe (AUS/Penske), 2min40s6540 (4)
3°. Dario Franchitti (ESC/Ganassi), 2min40s7068 (4)
4°. Graham Rahal (EUA/Newman-Haas-Lanigan), 2min40s7470 (4)
5°. Scott Dixon (NZL/Ganassi), 2min40s8098 (4)
6°. Tony Kanaan (BRA/Andretti Green), 2min40s9934 (4)
7°. Mario Moraes (BRA/KV), 2min41s1958 (4)
8°. Marco Andretti (EUA/Andretti Green), 2min41s3522 ( 4)
9°. Will Power (AUS/Penske), 2min41s4146 (4)
10°. Danica Patrick (EUA/Andretti Green), 2min41s5205 (4)
11°. Alex Lloyd (ING/Ganassi-Sam Schmidt), 2min41s7093 (4)