Mostra segue em cartaz e traz, nesta quinta-feira (1), às 19h, no Sesc Centro, o filme Doces Poderes, tendo Brasília como pano de fundo, Lucia, que também já foi jornalista, aborda a questão da troca de papeis dos meios de comunicação, que deixam de informar para manipular a opinião pública a serviço do capital.


A jornalista Bia (Marisa Orth), retorna ao Brasil depois de alguns anos no exterior, para chefiar a sucursal da maior rede de TV do país, mas encontra a redação vazia, logo ela perceberá que seus colegas venderam o domínio com as palavras por salários milionários e saíram pelo Brasil para assessorar campanhas políticas, deixando de lado os ideais e opiniões partidárias. O filme faz alusão à campanha que elegeu Fernando Collor à presidência do Brasil.


A linha que separa as simplórias histórias autobiográficas, carregadas do rancor de seus diretores, de obras sutis, que aliam à arte o saudável desejo de “compartilhar vivências”, é bastante tênue. Os filmes de Lucia representam o segundo tipo. Falam de política, sim, de degenerações e do lado obscuro da moral humana, também, mas apresentam ainda um lirismo único, difícil de identificar, e que faz parte das situações sociais, sejam elas cotidianas ou não.


A antítese molda a matéria-prima de Lucia Murat, as vivências e o modo crítico particular de refletir a cerca da sociedade contemporânea. Seus filmes tratam de temas fortes com leveza estética.


Dona de uma maneira peculiar de pensar cinema, Lucia Murat retrata um lado social e político do Brasil que ficou bastante evidente após a volta da democracia, por intermédio de cada um dos que vivenciaram o período difícil da política brasileira, iniciado com o golpe de 1964.


Doces Poderes dialoga com as outras obras de Lucia Murat, por isso embora seja ficção, não perde o caráter documental. Conduz à reflexão contrapondo o convívio da nossa democracia recente com o capitalismo.
A mostra segue em cartaz com os filmes, Doces Poderes (01/04), Brava Gente Brasileira (08/04) e Maré, Nossa História de Amor (15/04).