Técnicos em Educação para o Trânsito do Departamento Estadual de Trânsito de Alagoas (Detran-AL) participam nesta quinta-feira, dia 10, da Conferência Estadual de Educação, promovida pela Secretaria de Estado da Educação e do Esporte (SEE). A abertura está prevista para noite desta quarta-feira, 9, no ginásio do Centro Educacional de Pesquisas Aplicadas (Cepa), no Farol.

A ideia é sensibilizar delegados e coordenadores do evento para a necessidade de inserir políticas de educação para o trânsito na Educação Básica de Ensino do Estado. “A proposta é articular ações, projetos e programas de pesquisa relacionados à educação para o trânsito”, afirma Amália Vasconcelos, gerente do setor de Educação para o Trânsito (Edutran) do Detran.

“Também queremos estimular a participação da comunidade escolar indígena, as pessoas que têm necessidades especiais e as comunidades do campo em projetos pedagógicos que fazem parte da política nacional de trânsito”, completa.

Durante a conferência, o Detran-AL, em parceria com educadores de trânsito do Departamento de Estradas de Rodagem (DER) e secretarias municipais de Transporte e Trânsito (SMTTs) das cidades de Maceió, Palmeira dos Índios e Arapiraca, realizará minipalestras sobre a importância do uso do cinto de segurança, transporte seguro de crianças e os perigos de dirigir após ingerir bebida alcoólica. Serão distribuídos ainda kits com cartilhas e folhetos ilustrados, além da apresentação de vídeos educativos.
Na sexta-feira, dia 11, a equipe de arte-educadores do grupo teatral Companhia da Meia Noite fará apresentações de peças temáticas para os alunos do colégio Moreira e Silva.

Estatísticas - Segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), o Brasil é o 5º país com trânsito mais violento. A cada ano, estima-se que morrem 31 mil pessoas no país em acidentes de tráfego, o maior índice no mundo.