Desembargador Malta Marques recebe comenda e título de cidadão

  • Redação
  • 09/12/2009 17:48
  • Maceió

O corregedor-geral do Judiciário alagoano, desembargador José Carlos Malta Marques, recebeu, na manhã desta quarta-feira (9), da Câmara de Vereadores de Maceió, durante sessão solene no auditório das Faculdades Integradas Tiradentes (Fits), a comenda Pontes de Miranda, honraria proposta pela vereadora Tereza Nelma e aprovada por unanimidade pelos integrantes do Legislativo da capital.

Durante a solenidade, a presidência da Câmara de Vereadores de Maceió também entregou ao desembargador José Carlos Malta Marques o título de cidadão honorário do município. A homenagem, de autoria do então vereador Eduardo Bonfim [hoje secretário municipal de Cultura], tinha sido aprovada em 1994, mas não pôde ser entregue ao homenageado por questões superiores.

“Sangue da democracia”

“É com grande alegria que recebo estas homenagens do Legislativo de Maceió. Aprovadas por unanimidade, elas vêm de um Poder onde ecoa o grito do povo maceioense. É neste poder com ampla representação popular por onde corre o sangue da democracia”, afirmou o corregedor, que demonstrou gratidão pelo reconhecimento da sociedade ao seu trabalho como magistrado.

Na ocasião, também foram homenageados com a concessão da comenda Aurélio Viana, também proposta pela vereadora Tereza Nelma e aprovada por unanimidade, os juízes Maurício Ferraz, atual presidente da Associação Alagoana dos Magistrados (Almagis) e Orlando Rocha, presidente do Fundo Especial para o Registro civil (Ferc).

Parceria institucional

Em seus discursos, Maurício e Orlando destacaram a importância da parceria com a Presidência e com a Corregedoria-Geral do Judiciário alagoano para o êxito das ações cuja finalidade é combater o sub-registro de recém-nascidos em Alagoas. O assunto também foi tema de palestras proferidas pelos dois magistrados aos integrantes do Poder Legislativo Municipal.

“Não se faz nada sem parceria institucional. O apoio da presidência e da corregedoria do TJ são de fundamental importância para a consolidação do Ferc [Fundo Especial para o Registro Civil]”, afirmou Maurílio Ferraz. “Não há sucesso quando não se dedica ao objetivo perseguido. Somos muito gratos pelas homenagens”, emendou o juiz Orlando Rocha.

Presenças

Além de familiares dos homenageados, prestigiaram a sessão solene do Legislativo os desembargadores Pedro Augusto Mendonça, vice-presidente do Judiciário alagoano, Nelma Padilha, Eduardo Andrade, e José de Holanda Ferreira [ex-presidente do TJ]. Os juízes auxiliares da Corregedoria Paulo Zacarias, Fernando Tourinho e Diógenes Tenório também compareceram à homenagem.