“Peço a nota fiscal no dia a dia e não tenho dúvidas de que o programa funciona, tanto que sou a prova disto”. Foi assim que o farmacêutico bioquímico, José Gildo da Silva, agradeceu os R$ 20 mil ganhos no segundo sorteio da Nota Fiscal Alagoana (NFA).

Junto com os outros dois sorteados, ele participou, nesta segunda-feira (7), da solenidade de entrega dos prêmios, realizada na Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz). Na manhã de hoje também foi realizada a geração dos bilhetes para o próximo sorteio, que está marcado para a próxima sexta-feira (11).

O evento contou com a presença do titular da pasta, Maurício Toledo; da secretária adjunta, Adaida Barros; da coordenadora da NFA, Aida Gama; do superintendente do Procon, Rodrigo Cunha; e do diretor-presidente do Instituto de Tecnologia em Informática e Informação de Alagoas (Itec), Luiz Eugênio Barroca. A idealizadora do programa em Alagoas e ex-secretária Fernanda Vilela também participou da solenidade.

Foi das mãos dela, que o filho do segundo colocado, Tairo Cavalcante, recebeu o cheque de R$ 10 mil. Na oportunidade, Fernanda Vilela mandou um recado para os três sortudos: “Continuem pedindo a nota e ajudando o Estado. Vamos multiplicar e construir uma realidade melhor para todos os alagoanos. Muito obrigada a todos vocês por terem acreditado nessa iniciativa”.

Além da entrega dos prêmios, a manhã desta segunda-feira também foi marcada por uma boa notícia para os consumidores: a geração dos bilhetes para o próximo sorteio. Para a premiação, que será nesta sexta-feira (11), à 11h, no auditório da Sefaz, foram distribuídos mais de 472 mil cupons entre os CPFs registrados no sistema da NFA. Ao todo, estarão 64.796 pessoas concorrendo.

Para a coordenadora da Nota Fiscal Alagoana, Aida Gama, o número expressivo ilustra bem o crescimento da campanha. “Esses quase meio milhão de bilhetes significam que a população está acreditando na iniciativa. Hoje o programa está fortalecido e se consolidando cada vez mais, fato que temos comprovado com os sorteios, que vêm superando nossas expectativas”, disse ela.

Para a geração dos bilhetes, foram utilizados a data de hoje (7) e o número do sorteio — neste caso, o terceiro. Todo o processo, inclusive a repartição entre os cadastrados no banco de dados, aconteceu de forma eletrônica. Cada R$ 100 em compras valeu um cupom, mas somente os documentos fiscais gerados entre agosto e setembro participaram da contagem.

Agora, os consumidores já podem visualizar os números com os quais estão concorrendo na página www.sefaz.al.gov.br/nfa. O sorteio de Natal vai distribuir R$ 150 mil em dinheiro entre os consumidores que pediram suas notas e cupons fiscais com registro do CPF ou CNPJ, indo desde os valores mais cobiçados — de R$ 50 mil, R$ 20 mil e R$ 10 mil — até os menores, de R$ 500, R$ 25 e R$ 10.

Créditos

Já está disponível a escolha da forma de pagamento para os créditos adquiridos com a Nota Fiscal Alagoana em compras efetuadas entre novembro de 2008 e junho deste ano. No sistema, o consumidor encontrará um link — no mesmo local onde foram visualizadas as notas e cupons fiscais — para fazer essa opção.

Vale lembrar que os valores, que tem validade de cinco anos, poderão ser depositados em conta corrente ou poupança ou, ainda, utilizado para abatimento no IPVA do exercício de 2010. “Quem optar pelo IPVA, contudo, terá apenas até o dia 31 de dezembro para acessar a página do programa e informar a escolha à Fazenda”, acrescenta Aida.