O ator americano Nicolas Cage, de 45 anos, foi homenageado pela Organização das Nações Unidas (ONU) por seu trabalho humanitário, na noite de sexta-feira (4).

O astro de filmes como “Despedida em Las Vegas” (1995) e “Vício frenético” (2009), também foi nomeado “embaixador da boa vontade”, para o setor de combate às drogas e o crime.

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, concedeu ao ator o prêmio de “cidadão global de 2009”. Colaborador da Anistia Internacional, Cage doou US$ 2 milhões para o auxílio de ex-soldados e na luta contra o tráfico de armas.

O ator se engajou na causa desde que atuou no filme “O senhor das armas” (2005). No longa de Andrew Niccol, ele interpreta um vendedor de armamentos e munições que passa a questionar a moralidade de seu ofício, ao mesmo tempo em que é investigado por um agente da Interpol.