Tendo em vista as eleições para a escolha da nova diretoria da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Alagoas, as audiências e demais atos judiciais designados para amanhã, dia 27, estão suspensos. 

A decisão é da presidente do Tribunal de Justiça, desembargadora Elisabeth Carvalho Nascimento, que acatou pedido da Comissão Eleitoral da OAB/AL. 

Desse modo, os advogados ficarão livres para exercerem a cidadania e o direito de escolha, durante o pleito da OAB/AL. O ato normativo de nº 82 que trata sobre a medida está publicado na edição eletrônica de hoje do Diário Oficial da Justiça. 

Elisabeth Carvalho recomendou que todos os magistrados adiem as audiências agendadas para amanhã com a finalidade de viabilizar a participação dos advogados no pleito eleitoral da OAB/AL.