Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

A Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal) vem desenvolvendo uma série de substituições de rede de distribuição de água em Maceió. Em novembro, os trabalhos se concentraram no bairro da Levada, Ponta Grossa, Prado e Ipioca. Diversas ruas foram beneficiadas com a troca de rede antiga, ainda em ferro fundido, por tubulações de maior diâmetro em PVC. Ao todo, foi trocado 1,6km de tubulação. A obra foi construída com recursos próprios (R$ 130 mil). A substituição de rede dará maior regularidade ao abastecimento de água.

Atualmente os trabalhos estão ocorrendo na Rua Walberdson Douglas de Albuquerque Ferreira, antiga Rua 24 de Fevereiro, na Levada. Moradores da rua reivindicaram à Companhia melhoras no abastecimento de água. Eles contaram que sofriam com deficiência no abastecimento e disseram que a água só chegava as casas à noite para encher as caixas. De acordo com o gerente interino de Produção e Desenvolvimento Operacional, José Reinaldo Silva, o problema ocorria devido à obstrução da rede, que era antiga – em ferro fundido. “Essas redes que foram substituídas tinham mais de 50 anos. Ainda eram da época do ex-governador Silvestre Péricles. A tubulação antiga tinha 75mm em ferro fundido, e estamos colocamos outra de 85mm, em PVC”, ressalta.

Moradora da Rua Walberdson Douglas de Albuquerque Ferreira, Maria Cely Barros, conta que sua família e toda a vizinhança estão felizes com a obra da Casal. “Todos estamos na maior expectativa com o término da obra para usufruirmos da melhoria feita pela Casal”, diz.

Ponta Grossa

A rede de distribuição de água da Rua Rodrigues Alves, na Ponta Grossa, era em ferro fundido, de 75mm, e estava obstruída, o que causava deficiência no abastecimento daquela rua. A Companhia substituiu parte da rede de 100mm por outra de 110mm e parte da rede de 75mm por uma tubulação de 85mm. Agora, com a nova rede em PVC, a água chega com regularidade aos imóveis da Rodrigues Alves.

Morador há 30 anos da Ponta Grossa, Paulo Barros Aguiar, está feliz da vida com a regularização do abastecimento de água para a residência dele e para toda a comunidade. “Agora está uma maravilha. Graças a Deus a Casal acertou! Eu até comprei uma nova bomba para minha caixa de água”, relata, contando que a deficiência no abastecimento vinha ocorrendo há dois anos.

Outro morador, Abelardo Ignácio da Silva, reside desde 1967 na Rodrigues Alves e conta o drama de viver sem a certeza de ter água nas torneiras todos os dias. Ele diz que a deficiência no abastecimento estava ocorrendo há dois anos. “A gente só tem que agradecer à Casal. Outro morador antigo da Ponta Grossa, Arnaldo Ferreira Lourenço, destacou que água está mais cristalina e que está na expectativa de melhoria no abastecimento.

Prado

A Casal também substituiu parte da rede de distribuição de água no Prado. Os trabalhos ocorreram na Rua Amazonas. Lá, foram trocadas tubulações em ferro fundido de 100mm por uma nova rede de 110mm em PVC.

Ipioca

A Companhia substituiu 600 metros de rede de distribuição de água em Ipioca. De acordo com o técnico Reinaldo Silva, foram trocadas tubulações de 32 mm em PVC por rede de 85 mm, também em PVC. A obra custou R$ 30 mil (recursos próprios).