Dois homens em uma moto cuja a placa não foi anotada, ajudados por outro que dava cobertura aos assassinos executaram a tiros o policial militar De Lima, lotado no 2º Batalhão do município alagoano de União dos Palmares.

Testemunhas contaram que “De Lima” como era conhecido o militar estava dentro do Passaporte do Mário, quando três homens armados sem mascaras se aproximaram e sob a mira das armas obrigaram-no a sair do estabelecimento, e quando chegaram a rua, dispararam suas pistolas contra o militar que não teve nenhuma chance de defesa.

 

O PM, que residia em Murici onde era conhecido pelo apelido de Tonho de Ulisses, morreu no local, antes mesmo de ser socorrido.Até o momento a polícia não tem informações que possam esclarecer o crime.