As camisas dos arquirrivais Atlético-MG e Cruzeiro devem estampar o mesmo patrocinador master em 2010. O GLOBOESPORTE.COM apurou que o banco mineiro BMG já fechou as bases para um contrato com o Galo - só falta assinar – e encontra-se também em negociação com o Cruzeiro.

De acordo com a informação, o BMG vai pagar por volta de R$ 10 milhões a cada clube, por um ano de contrato. O acordo firmado com o Atlético-MG é semelhante ao que deve ser fechado com o Cruzeiro.

No início desta semana, o presidente atleticano Alexandre Kalil anunciou que o Atlético-MG havia fechado o maior contrato de patrocínio da história do futebol mineiro, mas não divulgou o nome da empresa nem as cifras da parceria.

- Digo apenas que triplicamos o valor da marca esportiva. O novo patrocínio é três vezes superior ao último – declarou Kalil.

O Galo está sem patrocínio desde o fim da temporada passada, quando encerrou o contrato com a Fiat. Já o Cruzeiro é patrocinado atualmente pelo banco Bonsucesso. O acordo termina no fim deste ano.

O presidente cruzeirense, Zezé Perrella, foi visto esta semana em um restaurante de Belo Horizonte, na companhia do banqueiro Ricardo Guimarães, ex-presidente do Atlético-MG e um dos donos do BMG. Zezé confirmou o jantar, mas desconversou sobre um eventual acordo entre o grupo e o Cruzeiro.

No futebol, o BMG patrocina, atualmente, o Coritiba, o América-MG e o Ipatinga.