Internet Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Em Alagoas, este mês de novembro é marcado por celebrações à Consciência Negra. A programação é extensa e envolve vários municípios. Em União dos Palmares, na sexta-feira (13), às 18h, a Casa Jorge de Lima e a Praça Basiliano Sarmento passarão pelo ritual da lavagem. A cerimônia na praça é inédita.


De acordo com as tradições africanas, a lavagem representa a purificação do local para receber pessoas com os fluidos positivos. O ritual será desenvolvido por integrantes de 18 casas religiosas de matrizes africanas e pelo Grupo União Espírita Santa Bárbara (Guesb).


“Durante as comemorações pela Consciência Negra, a lavagem da Casa Jorge de Lima já é tradição no município. Toda a população participa. A grande novidade deste ano é a realização da cerimônia na Praça Basiliano Sarmento”, explica Elson Davi, cientista social e secretário municipal da cultura.


Também na casa do romancista e poeta Jorge de Lima, ficará exposto de quarta-feira (11) até 20 de novembro, Dia Nacional da Consciência Negra, a mostra fotográfica União dos Palmares Ontem e Hoje. As fotos são de Elson Davi e revelam o processo histórico da cidade.


Toda a programação do mês da consciência negra é uma realização da Secretaria de Estado da Cultura (Secult) em parceria com demais órgãos do governo, prefeitura municipal de União dos Palmares e Fundação Cultural Palmares.


Destaques – Ainda na programação de União, destaque para a vinda de treze referências nacionais quando o assunto é religião e tradição africana. Entre os nomes estão Mãe Beata de Iemanja e Ekedi Lucia Xavier, ambas do Rio de Janeiro; Ekedi Vera Baroni, de Pernambuco, e Mãe Lucia de Oxum, da Paraíba. As religiosas vêm para Alagoas, no dia 20, realizar o cortejo de abertura de visitação do Parque Memorial Quilombo dos Palmares.


Haverá shows ainda com as atrações musicais Adão Negro (19) e Tribo de Jah (20). As bandas nacionais se apresentarão em União dos Palmares, a partir da meia-noite, na Praça Basiliano Sarmento. É de graça.


A programação completa das festividades está disponível do site da Secult (www.cultura.al.gov.br).