Foto: Reprodução Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Teste para Covid-19

(Atualizada às 18h28)

Em Alagoas, oito prefeitos testaram positivo para Covid-19 desde o começo da pandemia, há cerca de dois meses, até esta quinta-feira (21), e mais um está internado, com suspeita da doença. O número, repassado ao blog pela assessoria de Comunicação da Associação dos Municípios Alagoanos (AMA), leva em conta apenas os gestores que anunciaram publicamente os resultados dos exames.

O primeiro prefeito a divulgar o teste - dele e da esposa - para o novo Coronavírus, no dia 25 de abril, foi Olavo Neto, de Murici, seguido pelo prefeito Júlio César, de Palmeira dos Índios, que informou sobre a doença no dia 29 de abril. Com sintomas leves, ambos realizaram o tratamento em casa.

O prefeito de Penedo, Marcius Beltrão, anunciou o resultado do exame no dia 30 de abril, afirmando que estava assintomático.

No dia 4 de maio foi a vez da prefeita de São Luís do Quitunde, Fernanda Cavalcanti, fazer o anúncio. Ela precisou ser internada no dia 7 do mesmo mês, devido ao agravamento da doença.

Claudio Costa, o Cacau, de Marechal Deodoro divulgou o teste positivo no dia 13 de maio e fez o tratamento em casa. Já nesta semana, dia 19, a prefeita de Jequiá da Praia, Jeannyne Beltrão, usou suas redes sociais para informar sobre o resultado e sobre o fato de estar assintomática.

Logo em seguida, dia 20, o prefeito de Junqueiro, Carlos Augusto, também revelou que testou positivo para Covid-19. No mesmo dia, o prefeito de Joaquim Gomes, Adriano Ferreira, foi internado no Hospital Veredas, com suspeita de Covid-19, mas o resultado do exame ainda não foi divulgado.

Hoje, dia 21 de maio, Isnaldo Bulhões, gestor de Santana do Ipanema, informou que deu positivo o resultado de seu exame para Covid-19, mas que está assintomático. 

Alguns dos prefeitos citados já encerraram o tratamento e estão curados.