Aquiacontece.com Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Local atualmente contém muito lixo e resto de construção

Em entrevista concedida na manhã desta quarta-feira (28) ao programa Lance Livre da Rádio Penedo FM, o juiz de direito Luciano Galvão, titular da 3º Vara da Comarca de Penedo, informou a população que a construção do prédio novo do fórum será uma realidade em 2010, sendo dividida atualmente as opiniões no que diz respeito ao local que será construído o novo prédio.

De acordo com Luciano Galvão o terreno que estava previsto para o início das obras, está localizado na parte alta da cidade, mas, precisamente no Bairro Dom Constantino, no entanto, o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – IPHAN, sugeriu ao Tribunal de Justiça, que o terreno do aterro da Lagoa do Oiteiro, no centro da cidade, seria o local ideal para a construção.

No local indicado funcionaria a feira-livre de Penedo, mas, há tempos que recebe somente resto de construção e muito lixo. Um campo que ainda é mantido no local por populares da vizinhança, já teve maior fluxo de pessoas, mas, devido a ser ladeado por esgotos terminou por afastar os “jogadores” e serviu recentemente para desova de cadáver.

Do outro lado do campo existe uma estrutura que serviria para o recebimento de frutas e verduras que seriam comercializados na feira-livre da cidade, no entanto, o local só serviu mesmo para a realização dos festejos juninos. Lá também houve registro de assassinato e atualmente, serve como ponto de tráfico de drogas e abrigo para moradores de rua. Nesta segunda-feira, dia 26 de outubro, um morador do local que ergueu uma barraca próximo a estrutura, teve sua “casa” invadida e foi fortemente espancado. Sua mulher e filho fugiram do local e no dia seguinte, os elementos voltaram e espancaram também a mulher que registrou entrada na Unidade de Emergência Antonio de Jesus.

Todos os anos um córrego que gera uma grande fedentina tem que ser limpo para que não promova enchentes nas ruas próximas ao local onde pretende-se construir o prédio do novo fórum. No local também é sugerido pelo IPHAN, que sejam também construídos os prédios do Ministério Público, Defensoria Pública, Instituto Nacional de Seguridade Social – INSS, e uma escola.

Em contato com o Superintendente do IPHAN –AL, Mário Aloísio, recebemos a informação de que vários processos e compromissos anteriormente assumidos, impossibilitarão a vinda dele pelas próximas semanas a Penedo. O assunto gerou polêmica na cidade e deve ser discutido agora com a população que vive de fato o dia a dia do município ribeirinho.