Foto: Reprodução Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Daniel lutava contra a leucemia e contraiu a Covid-19, segundo parentes..

O artista plástico e desenhista Daniel Azulay morreu na tarde desta sexta-feira (27), no Rio de Janeiro, vítima de coronavírus. Segundo publicação na sua página oficial do Facebook, Azulay estava tratando uma leucemia e contraiu a Covid-19. Ele tinha 73 anos.

“Com extremo pesar comunicamos que nosso querido Daniel Azulay faleceu hoje a tarde no Rio de Janeiro. Ele estava tratando uma leucemia e contraiu coronavírus. Sua alegria continuará em todos nossos corações para sempre. Faremos rezas virtuais para ele nos próximos dias em virtude do isolamento. Daniel, Te amamos!”, diz a mensagem escrita em suas redes sociais.

Azulay criou, em 1968, a tira de jornal Capitão Cipó, publicada no extinto Correio da Manhã. Em 1975, lançou a Turma do Lambe-Lambe e, a partir de 1976, apresentou durante dez anos programas de TV educativos para o público infantil.

O artista foi premiado no Brasil e no exterior. Ele ensinava desenho em vídeos para o Canal Futura e chegou a participar da TV Rá-Tim-Bum.